Roteiro na Toscana: 8 dias e dicas essenciais para sua viagem

25
840

Uma viagem na Toscana é sinônimo de boa comida, cidades medievais, cenários idílicos com colinas, oliveiras, vinhedos e arte. Era meu sonho fazer um roteiro na Toscana explorando várias cidadezinhas encantadoras, passando por onde viveu Michelangelo, Da Vinci, Donatello, Botticelli e outros grandes artistas do Renascimento.

Claro que é impossível conhecer todos os cantos em apenas uma viagem à Toscana, é uma região para ser explorada de várias formas. E te garanto que cada vez é uma experiência diferente (eu mesma já fui para Florença 3 vezes!).

Clique aqui e assine nosso canal no YouTube

Neste artigo vou falar sobre:

  • Onde fica a Toscana
  • Quando visitar a Toscana
  • Como chegar na Toscana e Transporte
  • Dicas para montar seu roteiro na Toscana
  • Sugestão de roteiro na Toscana

Dicas de Roteiro na Toscana

Onde fica a Toscana

A Toscana está localizada na parte central da Itália, sendo o quinto maior estado e uma das mais visitados. As paisagens da Toscanas são exatamente aquelas que vemos em filmes e revistas: colinas verdes ou amarelas com uma casinha no topo rodeada de cipestres. As vilas rurais e campos de girassóis, oliveiras e vinhedos estão por todo canto, sendo uma das regiões mais exploradas para o agroturismo.

Como mencionei anteriormente, a Toscana foi extremamente importante durante o Renascimento, possuindo uma enorme influência cultural e artística.

Quando visitar a Toscana

A alta temporada é de junho a setembro, quando tudo fica completamente cheio de gente e vários eventos acontecem como o Palio de Siena e o Giostra del Saracino em Arezzo. Essa época é super quente, cheguei a pegar 44 graus sem brincadeira, por isso pesquise bem se o hotel tem ar condicionado haha. Você verá os campos e colinas bem amarelinhos da Toscana.

Os meses de abril, maio, outubro são menos concorridos, porém já tá meio friozinho. Nós fizemos este roteiro na Toscana no final de abril e pegamos frio e chuva, mas não todos os dias. Precisa vir bem agasalhado pois alguns dias são bem quentes e no dia seguinte esfria muito! Dessa vez vimos os campos mais verdinhos, foi um contraste bem legal!

Durante o inverno é mais tranquilo ainda, porém pegará temperaturas baixas e as cidades não ficarão tão bonitas com tempo nublado. Os dias também são mais curtos.


mulher de cabelo azul olhando para vinhedos em san gimignano toscana
Lindas paisagens da Toscana!

Como chegar na Toscana e transporte

De trem ou ônibus

A capital da Toscana é Florença, então você pode pegar voos do Brasil para Milão ou Roma. Como são duas cidades legais, sugiro pelo menos 2 dias em Milão e 4 dias em Roma antes de continuar viagem de trem ou ônibus até Florença. Nós pagamos 13 euros o trecho de ônibus até Florença e durou 4h a viagem. Veja como funciona o ônibus na Europa.

Você pode ficar de olho no site da Trenitália ou Ítalo para pegar promoções nas passagens de trem, especialmente os Freccia. Os trens regionais normais são baratos mas demoram e às vezes pode ser meio confuso nas baldeações. Compare os preços de trem e bus no site GoEuro.

De carro

Se você está viajando em casal ou amigos, recomendo muito alugar um carro. Meu roteiro na Toscana foi feito de carro e, com toda certeza, foi a forma mais barata e prática. Alugamos pelo RentCars em Florença e partimos para as outras cidades.

Atenção: não vale a pena alugar o carro se você quer ficar pelo menos 2 dias em Florença. A cidade tem limitações de acesso ao centro de carro, você irá pagar estacionamento, nem todos os hotéis tem garagem… Seus gastos vão ser maiores pra nada praticamente. Basta fazer as contas.

Brasileiros podem dirigir na Itália sem problema tendo a carteira de habilitação e a PID (Permissão Internacional para dirigir). Este último documento é pedido apenas pelos policiais, já que na hora de alugar nem conferem esse documento. Caso você não tenha a PID, pode levar uma multa.
A PID pode ser requisitada online pelo site do Detran do seu estado, no entanto, alguns deles não oferecem esse serviço como o Rio Grande do Sul. Precisa conferir. Eu pedi no Paraná e chegou em 3 dias após o pagamento.

Veja mais detalhes no GUIA COMPLETO PARA DIRIGIR NA ITÁLIA

Leia também:

Guia Low Cost: como encontrar voo barato na Europa

Como é voar British Airways de SP a Londres e Milão

Dicas para montar seu roteiro na Toscana

Claro que há inúmeras cidades para visitar na Toscana e de todos os tamanhos, formas e cores haha As cidades mais conhecidas para colocar numa viagem pela Toscana são:

  1. Florença
  2. Lucca
  3. Pisa
  4. San Gimignano
  5. Siena
  6. Montepulciano
  7. Montalcino
  8. Cortona
  9. Arezzo
mapa roteiro na toscana italia 8 dias
Mapa do nosso roteiro na Toscana de 8 dias

Olhando no mapa, a Toscana parece ser uma região fácil de ser explorada, com trajetos curtos. Você consegue fazer rapidamente pegando as rodovias, porém pagará pedágio em várias delas. O segredo é pegar as estradas secundárias, sem pedágios, cheias de curvas e repletas de paisagens bonitas (com certeza você irá parar várias vezes para tirar foto).

Não recomendo tentar colocar mais de 2 cidades num dia só. Você fará tudo correndo, passará mais tempo dentro do carro do que nas cidades e vai sentir que não aproveitou direito.

Estando de carro, pode ficar em lugares mais afastados da cidade e consequentemente mais baratos. Em várias cidades é proibido dirigir no centro histórico, precisa estacionar em vagas pagas, alguns hotéis não tem garagem…

Caso você não goste de ficar trocando de hotel todo dia, recomendo usar Florença e Siena como base para a sua viagem e fazer viagens de bate e volta.



Lembre-se que é obrigatório SEGURO VIAGEM para entrar na Europa. É um seguro que te protege em caso de algum acidente, problema de saúde e ajuda resolver tretas da viagem como cancelamento do voo, extravio de bagagem. Leitoras do blog ganham 10% DE DESCONTO no Real Seguros aproveite!

mulher no carrossel da piazza repubblica em florenca

Sugestão Roteiro na Toscana: 8 dias

Este é o meu Roteiro na Toscana no qual inclui as cidades mais visitadas e famosas pela arte, eventos, arquitetura, vinho e gastronomia. Você pode claro cortar as cidades conforme o seu tempo.

Florença: 3 dias

Ahhh Florença, meu sonho de consumo eterno, que cidade maravilhosa! A capital da Toscana é cheia de museus, restaurantes pequenos e aconchegantes, edifícios medievais e o Duomo, uma catedral com uma cúpula enorme que é vista a km de distância e o cartão postal da cidade. Cada vez que eu via da estrada, suspirava.

Confira todo o meu roteiro de 3 dias em Florença!

Confira todas as dicas sobre Florença no vídeo abaixo

Recomendo 3 dias inteiros para poder visitar os pontos turísticos com calma, especialmente os museus Galleria degli Uffizi e Galleria dell’Academia. Além disso, pode caminhar pelas ruazinhas, conhecer a Ponte Vecchio e subir até a Piazzale Michelangelo para ter uma vista incrível da cidade.

vista de florenca da piazzale michelangelo
Vista da Piazzale Michelangelo em Florença

Um passeio imperdível é caminhar ao redor do Duomo, a Catedrale di Santa Maria del Fiore e ver os diferentes artistas ao redor. Ali também fica o campanário e o batistério, tudo incluso no ingresso caso queira ver a catedral por dentro.

A Piazza della Reppublica é um charme só, possui um carrossel perfeito para fotos com o arco ao fundo. Aqui há muitas cafés charmosos.

Confira mais dicas no artigo 5 motivos para visitar Florença

Onde se hospedar em Florença

Para aproveitar melhor a cidade, recomendo ficar em hotéis próximos à estação de trem Santa Maria Novella como Il Dromedario ou Monna Clara. Outras opções são Wow Florence Hostel e Hostel Archi Rossi. Na última vez que fui estava tudo meio caro, então fiquei mais longe no Camping Firenze, e amei! Outra opção e alugar um apartamento no Airbnb

Atrações com Ingressos em Florença

Florença é muito visitada, os ingressos para as atrações esgotam muito rápido e as hospedagens normalmente estão acima da média. Por isso você precisa se programar e garantir tudo online para não pegar filas ou até ficar sem ver uma atração. Eu só consegui ingresso para a Uffizi na minha terceira vez em Florença! Confira os ingressos abaixo:

Reserve uma manhã ou a noite para pegar o carro no aeroporto de Florença. Você pode ir até lá com o tram, demora em torno de 20 min e custa 1,50 euro. Os escritórios das locadoras não ficam direto no aeroporto, e sim ao lado, é só pegar um ônibus transfer grátis próximo às tendas brancas.

Pistoia e Lucca: um dia

Pistoia é uma cidade bem pequeninha que vale uma visita rápida de carro, já que fica no caminho para Lucca. De Florença até Pistoia são 40km.

A cidade ganhou como Capital Cultural da Itália em 2017 e possui muralhas medievais e edíficios bem chamativos como a Prefeitura, Palazzo Pretorio, Catedral San Zeno, Batistério e a famosa Torre do Sino. A Piazza della Sala é um dos pontos principais da cidade.

fachada catedral de pistoia na italia toscana
Fachada da Catedral de Pistoia

No Cemitério de Pistoia foram enterrados os soldados brasileiros da Força Expedicionária Brasileira (FEB) que lutaram ao lado dos Aliados na Segunda Guerra Mundial (depois foram transferidos para o Aterro do Flamengo).

Dirija mais 46 km até chegar em Lucca, uma cidade que não esperava ser tão charmosa e visitada! Chamada de a “Cidade de Cem igrejas”, possui diversos edifícios medievais, muralhas, um anfiteatro romano e ruazinhas estreitas cheia de lojinhas e de vida. Um dos melhores sorvetes que já tomei fica aqui, na Bottega del Gelato na Via Santa Croce 87. O cone custava 3 euros, super baratinho e até repitimos a dose.

anfiteatro em lucca na italia
Anfiteatro em Lucca

O centro dela é uma praça em formato oval que antigamente servia de coliseu. Aqui caminhou Júlio César gente! também vale a pena dar uma passadinha no Duomo para conferir o túmulo esculpido em 1406 por Jacopo della Quercia

Onde se hospedar em Lucca ou Pisa

Você pode dormir em Lucca ou seguir viagem à noite até Pisa ( a 21 km de distância) para começar o dia cedinho. Em Lucca sugiro os hotéis Albergo CelideB&B Corte Toro.

Sugiro estes hotéis em Pisa:

  1. Pisa City Lodge
  2. B&B Ariston Pisa Tower
  3. Hotel Cecile

Pisa e San Gimignano: um dia

Impossível não falar em Pisa sem lembrar imediatamente da famosa Torre Inclinada, no entanto, a cidade é muito mais que isso. Vi vários restaurantes legais e caminhar ao longo do rio Arno é maravilhoso, várias pontes e edifícios decorados para admirar. Confira o vídeo divertido em Pisa, Lucca e Pistoia!

Comece o dia indo para a Piazza del Duomo. Nessa área há diversas ruas para estacionar, as listras azuis indicam estacionamento pago, e recomendo ir cedo para achar vaga rápido e não perder tempo.

Nessa praça estão localizados a Catedral, o Batistério e a Torre, que formavam um conjunto para demonstrar poder e influência de Pisa nos século 11 ao 13. É possível fazer uma visita aos interiores e subir na Torre, confira aqui o ingresso com horário marcado Catedral e Torre de Pisa. A torre começou a inclinar em 1274, quando foi adicionado o terceiro piso.

mulher nos ombros de homem segurando a torre de pisa na italia
Não tem como não tirar essa foto em Pisa haaha

Uma coisa divertida é notar a galera fazendo várias poses para tirar foto hahah

Ali pertinho fica o Jardim Botânico e vários edíficios como Pallazzo da Scorno, della Canonica, a Universidade de Pisa… Do outro lado do rio, os edifícios são mais modernos e há vários restaurantes locais e bons como o La Taverna di Pulcinella (Via Garofani, 10). Comemos uma pizza delícia por 6 euros e partimos para San Gimignano a 80 km de distância de Pisa.

Leia todas as dicas para visitar Pisa

San Gimignano foi uma das cidades que mais construíram torres na Idade Média, foi até apelida de de Manhattan Medieval. Havia mais de 70 torres construídas pelas famílias ricas para defesa ou simplesmente ostentação, algumas com mais de 50m de altura Hoje permanecem de pé 14 delas, devido a conflitos entre as famílias, ao tempo ou a economia. Essa foi uma das cidades que me surpreendi, pois não imaginava que era tão turística e cheia de lojinhas gastronômicas legais com produtos regionais e excelentes.

Veja todas as dicas no vídeo sobre San Gimignano!

mulher segurando camera com uma mao ao lado de torre em san gimignano na italia
A linda San Gimignano e suas torres

Na praça da Cisterna ficam os palácios del Popolo, del Podestà e a Collegiata, com diversos afrescos de Domenico Ghirlandaio, um famoso pintor florentino do século XV.

Você se teletransporta para outro mundo ao caminhar pelas ruazinhas charmosas de San Gimignano. Não deixe de provar um dos famosos gelatos da Italiano na Gelateria Dondoli com sabores bem diferentes e não esqueça de tomar o Vernaccia de San Gimignano, um vinho branco seco maravilhoso e com selo DOCG.

Onde se hospedar em San Gimignano e Siena

Como não pode entrar de carro, é necessário ficar numa fila nos estacionamentos do lado de fora da muralha. Pagamos em torno de 6 euros para ficar a tarde toda. Caso queira passar a noite em San Gimignano, recomendo os lindos Hotel La CisternaFattoria Guicciardini O Relais Cappuccina fica mais afastado e tem até piscina!

No nosso caso dirigimos até a próxima cidade do nosso roteiro na Toscana: Siena a 50 km de distância de San Gimignano. Recomendo estes hotéis em Siena:

  1. Vittoria Design Hotel 
  2. Villa Tuscany Siena
  3. Hotel Alma Domus
  4. B&B I Tetti di Siena
  5. B&B San Francesco

Siena (um dia e meio) e Montalcino

Eu já morei em Siena e confesso que ela é muito mais do que aparenta. Uma das cidades mais bem preservadas da Itália, com inúmeros prédios antigos, uma gastronomia impecável e lugares legais para sair à noite. Siena era cidade rival de Florença durante um bom tempo, assim como Florença se opôs diversas vezes à Roma.

piazza del campo em siena num dia ensolarado com muita gente
Piazza del Campo em Siena

O centro histórico é Patrimônio da Humanidade da Unesco, facinho de se perder e se apaixonar cada vez mais pela cidade. A Piazza del Campo é o ponto principal de Siena, onde todo mundo se encontra e também onde acontece um evento de 800 anos: o Palio! Trata-se de uma corrida de cavalos onde cada corredor representa um dos 17 bairros da cidade, acontece dia 2 de julho e 16 de Agosto. É uma experiência bem diferente.

Confira o roteiro em Siena 

Aproveite para conhecer o Duomo dell’Assunta, uma catedral maravilhosa com diversos mármores diferentes e no estilo românico gótico. Nela trabalharam diversos artistas famosos como Donatello, Arnolfo di Cambio, Giovanni e Nicola Pasano. O ingresso pode ser comprado online aqui: Ingresso para Duomo Siena

Observo os diversos palácios pela cidade e coma muito bem: vários pratos incluem pici (um tipo de massa), trufas ou javali (chingiale).

Caso você seja uma admiradora de vinhos, recomendo reservar um dia para explorar a rota do Chiante ao sul de Siena. Passe por Gaiole, Pieve di Spaltenna e Castelo de Brolio.

Aproveite a manhã do dia seguinte para conhecer Montereggione, uma aldeia amuralhada com 14 torres que fazia fronteira com Siena. Aqui há algumas lojinhas de produtos típicos e artesanais, além de vistas linhas para os vinhedos.

No vídeo abaixo conto tudo sobre o Palio e os pontos turísticos de Siena

Após o almoço, siga em direção a Montalcino, uma charmosa vila cheia de vinícolas phynas. Nessa região é fabricado o vinho Brunello de Montalcino, um dos melhores vinhos tintos do mundo e com o selo DOCG (Denominação de Origem Controlada e Garantida). VOcê poderá comprar garrafas, fazer degustação ou até entrar numa loja e escolher qual vinho poderá provar numa máquina tipo self service haha. A vila é bem charmosinha e você pode perambular pelas muralhas e edifícios medivais.

rua em montalcino na toscana
Rua em Montalcino

Nessa região há outra cidade famosa: Montepulciano. Vale a pena incluir também Pienza e Cortona (cenário do filme Sob o sol da Toscana) caso queira visitar mais esse lado dos vinhos. As paisagens entre uma cidade e outra são belíssimas!

Onde se hospedar em Arezzo

Seguindo o meu roteiro na Toscana, subimos até Arezzo a 80 km de distância de Montalcino. Recomendo os hotéis La Traccia, B&B Il Castelluccio e Hotel Minerva

Arezzo: um dia

Arezzo foi cenário do filme ganhador do Oscar “A Vida é Bela” do diretor italiano Roberto Benigni. Você verá que alguns estabelecimentos são orgulhos de aparecem no filme e possuem fotos nas vitrines.

centro piazza grande em arezzo na toscana
Piazza Frande em Arezzo na Toscana

A cidade não é muito grande e a estação de trem fica muito perto dos pontos turísticos. Aqui você encontra ruínas de um anfiteatro romano e a Fortezza Medicea, um forte construído pelo Duque Cosimo em 1560.

Na Piazza Grande, a praça principal da cidade, fica algumas lojinhas, o Palazzo della Fraternita dei Laici e as costas de uma catedral. Sim, a entrada da Igreja Santa Maria della Pieve fica na rua paralela a praça haueahue Uma coisa única, especialmente na Itália!

Nessa praça também acontece um evento medieval chamado de Giostra del Saracino, no qual 4 bairros escolhem um cavaleiro para um duelo de lança e escudo. Acontece no penúltimo sábado de Junho e primeiro domingo de setembro.

Este é o fim do roteiro na Toscana! Agora é só voltar para Florença para devolver o carro e continuar sua viagem pela Itália ou na Europa! Daqui eu continuei para Bolonha, veja o que fazer em Bolonha.

Gostou desse roteiro na Toscana? Se tiver alguma dúvida, é só comentar!

Assista agora toda a temporada de vídeos de viagem da ITÁLIA no Youtube! Eu dou mais dicas de economia, mostro as cidades de forma divertida e as principais atrações!

 

Prepare-se para a sua viagem à Itália, leia:

Como viajar barato pela Itália: dicas essenciais!

20 coisas que você precisa saber antes de viajar para a Itália

Internet na Europa: como funciona chip de celular internacional 4g

Viaje com a Angie Faça sua reserva através dos parceiros do blog! VOCÊ NÃO PAGA MAIS POR ISSO, nos ajuda a criar conteúdo cada vez melhor pois ganhamos uma pequena comissão. Obrigada!
PRESETS APURE GURIA
Conheça minha coleção especial de filtros para celular e deixe suas fotos mais vibrantes com apenas um clique!

SEGURO VIAGEM
O Seguro Viagem é obrigatório em muitos países, faça a cotação com a Real Seguros e garanta melhor custo benefício. Desconto de 10% exclusivo para leitores! Veja por que viajar com Seguro Viagem.

CHIP DE INTERNET
Não fique sem conexão durante a viagem! Conheça o chip de internet 4G EasySim4U com frete grátis!

HOSPEDAGEM
Os melhores hotéis e hostels em um só lugar com cancelamento gratuito. Conheça o Booking.com!

AIRBNB
Alugue apartamentos ou quartos com preços especiais, ótimos para quem viaja em grupo! Reserve no Airbnb e ganhe R$180 de desconto na sua primeira hospedagem.

DINHEIRO NO EXTERIOR
Com Transferwise você economiza dinheiro durante o intercâmbio ou morando em outro país. Veja como transferir dinheiro para o exterior.

INGRESSOS
Fuja das filas nas maiores atrações no mundo adquirindo com antecedência e pagando com cartão de crédito ou Paypal no Get Your Guide.

ALUGUEL DE CARRO
Alugue um carro para sua viagem nas melhores locadoras e pague em 12x sem juros e sem IOF com a RentCars!

VOLUNTARIADO NA VIAGEM
Torne-se voluntário por alguns dias na sua próxima viagem, troque experiências, conheça pessoas novas e economize dinheiro! Conheça o Worldpackers! Leitores do Apure Guria ganham 10 USD de desconto!

CONHEÇA TODOS OS SERVIÇOS DO BLOG!

25 COMENTÁRIOS

  1. Acho que o mais difícil no planejamento de uma roteiro na Toscana é escolher as cidades, porque sempre vai ficar alguma de fora, além das preferidas Florença, Siena, San Gimignano, Pisa. Nada como ter um sonho realizado!

  2. Conheci Florença e voltei mais uma vez, afinal, eu passei a mão no focinho do javali, rsrs. Mas, gostaria de conhecer toda a Toscana, suas cidades mais tradicionais e as menos também, claro.
    A parte rural deve ser maravilhosa mesmo, com seus campos de girassóis e vinícolas deliciosas. Preciso voltar, porque se Florença ganhou meu coração, imagino o resto. Beijos.

  3. Ameiiii! Um dos meus maiores sonhos é fazer uma road trip pela Toscana!!! Serio!!! Vou guardar este post pra vidaaaaaa! Obrigada

  4. Uau! Um lugar mais lindo do que o outro! Fui pra Itália, mas fiquei só no norte e Toscana ficou de fora do roteiro daquela viagem. Mas foi de propósito, pra voltar outra vez ao invés de passar correndo pelos lugares, pq a região da Toscana definitivamente merece ser visitada com tempo!

  5. Aaaaaa Itália. Conheci uma parte na Toscana na ultima viagem. Fui a Florença e Pisa e devo dizer que fiquei surpreendida com a beleza desse lugar. Amei as dicas do post.

  6. Quero muito conhcer mas meu marido já conhece a Itália de cabo a rabo e não tem muito interesse em ir pra lá de novo rsrs! Mas ainda vou convecê-lo ou simplesmente vou sozinha né rs! Adorei seu roteiro com todas as melhores dicas!!

  7. Angie, assisti vários dos seus vídeos e estou amando. Indo para Itália em outubro, vou ficar 5 dias em Siena para conhecer um pouco a Toscana fazendo esses bate-e-volta. Como você disse que morou em Siena e que tem muitas coisas legais por lá, gostaria que me desse dicas de onde comer em Siena, principalmente a noite. Abraço.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here