Os Países mais caros para morar: o seu está na lista?

9
1056

Você deve estar pensando que o Brasil é um dos Países mais caros para morar não é mesmo? No entanto, ele não está entre os 10 mais caros do mundo segundo o índice de custo de vida do Numbeo. Esse site coleta dados de diversos países e cidades como aluguel, preços no mercado, média do salário, sistema de saúde, poluição entre outros. Aí ele calcula o poder aquisitivo e custos de vida em cada lugar anualmente.

Se você está pensando em mudar de país, é importante conferir os preços, salário e impostos para avaliar qual está valendo mais a pena. Veja também os 5 PAÍSES FÁCEIS para brasileiro morar e trabalhar

Clique aqui e assine nosso canal no YouTube

Países mais caros para morar do mundo

Como foi feito o índice

Nova York foi escolhida como base dessa pesquisa e lhe foi dada o valor de 100. Como já falei neste artigo 10 Cidades mais caras para viajar, NY é uma das cidades mais caras para visitar e morar e até a mais cara de todo os Estados Unidos.

Dessa forma, qualquer país que estiver com um índice acima de 100 é mais caro que Nova York. Consequentemente quem estiver abaixo de 100 será mais barata.

O Brasil está em 78º lugar neste índice. Para entender melhor, confira os dados abaixo.

  1. Custo de vida 40,22. Quer dizer que viver no Brasil custa 60% mais barato do que em NY.
  2. Índice do supermercado 29,20. Quer dizer que suas compras são 70% mais baratas do que em NY.
  3. Índice Preço do restaurante 30,78. Comer em restaurantes no Brasil é 70% mais barato do que em NY.
  4. Poder de compra local: 23,71 indica que o brasileiro compra muito menos com o seu dinheiro. O poder aquisitivo em NY é 67% maior. Ou seja, mesmo com os preços mais caros, o nova iorquino pode comprar mais devido a uma moeda forte e melhores salários. É claro que a média sobe pois há muitos milionários morando em NY.
    Por exemplo uma Coca-cola em São Paulo custa R$5 e em Nova York U$2. De acordo com o site Indeed, o salário mínimo por hora em um McDonald’s em NYC seria U$15 enquanto no Brasil R$ 5,43 por hora para atendente.

Os 10 Países mais caros para morar e viver

No vídeo abaixo eu dou mais exemplos de cada país e explico melhor o índice da pesquisa

1 – Suíça

A Suíça é está no topo desta lista dos países mais caros para morar. Além das paisagens incríveis, a Suíça conta com 4 línguas oficiais, o segundo melhor IDH do mundo e com várias cidades importantes como Zurique, Berna e Geneva, sede da ONU. Confira tudo para viajar na Suíça


Um apartamento de um quarto em Genebra pode custar 1743 francos e você precisa de mais 1444 para poder pagar as contas de luz, água, mercado e transporte. É claro que cidades mais afastadas serão mais baratas e também varia de acordo com o cantão.

trem panoramico Gotthard Panorama Express
A Suíça é famosa pelas suas paisagens incríveis e passeios de trem.

O salário mínimo seria de 19 a 25 francos em u McDonalds, em torno de 3200 francos (3141 dólares). Dependendo do seu salário, é possível que você pague de 48 a 65% de imposto. Quanto mais você ganha, mais você paga.

  • Custo de vida 122,40
  • Índice do supermercado 120,27
  • Índice Preço do restaurante 123,01
  • Poder de compra local: 119,53

2 – Noruega

A Noruega possui o melhor IDH do mundo e é o primeiro país nórdico da Lista. Ela é reconhecida por seus fiordes, suas origens vikings e pela alta qualidade de vida. Veja o que fazer em Oslo.

O salário mínimo pode ser de 190 coroas que equivale a 18 dólares e no final do mês 1148 dólares. O imposto é um dos mais altos da Europa podendo chegar até 46,6%. Um apartamento de um quarto em Oslo pode custar U$935, um preço até razoável. No entanto, o depósito para alugar pode ser de 3 a 6 meses antecipados de aluguel!

  • Custo de vida 101.43
  • Índice do supermercado 91,14
  • Índice Preço do restaurante 109,28
  • Poder de compra local: 88,38

3 – Islândia

A Islândia é um dos países que mais quero conhecer! É uma ilha com paisagens super diferentes, uma língua difícil e comidas exóticas (como o tubarão podre haha). Possui um dos melhores IDHs do mundo e dois terços da sua população vive na capital Reykjavik. É um país que atrai muitos turistas para conhecer cachoeiras, praias de areia preta, glaciares durante 7 a 10 dias normalmente.

O salário na Islândia fica em torno de 300 mil ISK, o que daria U$2298. É um dos países que mais se paga imposto em torno de 46,54%.
Alugar um apartamento de um quarto na capital pode custar em torno de 990 dólares por mês.

  • Custo de vida 100,48
  • Índice do supermercado 786,89
  • Índice Preço do restaurante 113,74
  • Poder de compra local: 79,44

4 – Japão

O Japão atrai muitos imigrantes do Brasil, principalmente descendentes de japoneses, e também muitos gringos que gostam da cultura. É um dos países mais restritos para morar com muita burocracia, além do idioma difícil e costumes bem diferentes. O Japão é muito bom para morar, seguro, bonito e de cultura milenar.

O salário mínimo por hora pode ser de 874 ienes, o que equivale a U$8. O imposto é de 55,95%.  O aluguel de um apartamento de um quarto varia de 50 mil a 70 mil ienes por mês (aproximadamente U$465). No entanto, esse valor dobra em Tóquio, a cidade mais cara e que também paga melhor. Eu pesquisei em diversos blogs e uma pessoa sozinha gasta em torno de 168 mil ienes (U$630) apenas com as compras do mercado.

  • Custo de vida 83,35
  • Índice do supermercado 81,82
  • Índice Preço do restaurante 48,95
  • Poder de compra local: 87,28

5 – Dinamarca

A Dinamarca é famosa pelos seus altos preços, mas também pela alta qualidade de vida e segurança. Dentre os países nórdicos, a população da Dinamarca é considerada a mais alegre ou brincalhona. Copenhagen, a capital, possui diversos atrativos para conhecer em até 3 dias. Confira o roteiro em Copenhagen.

casas coloridas copenhagen canal nyhavn
Copenhagen foi uma das cidades mais caras para viajar

O Salário mínimo por hora em um MCDonald’s na capital é de U$20, um dos maiores da Europa. O imposto fica em torno de 55,95%
Um apartamento de um quarto num bairro mais afastado de Copenhagen pode custar de 7mil a 9500 coroas (1019 a 1300 dólares) e um apê de 2 quartos custa 12 mil a 16 mil coroas (1700 a 2300 dólares).

  • Custo de vida 83,00
  • Índice do supermercado 61,74
  • Índice Preço do restaurante 100,75
  • Poder de compra local: 100,88

6 – Bahamas

Eu não esperava que as Bahamas estivessem na lista de países mais caros para morar. Localizadas no Caribe, o arquipélago de Bahamas é um paraíso fiscal e pode ser considerado o que possui maiores salários da região. No entanto há uma discrepância enorme da riqueza: a média dos salários varia de 9 mil a 300 mil dólares por ano.

Ou seja, existe uma população local em situação de vulnerabilidade social que é explorada pelos donos dos resorts. Alguns alimentos básicos como arroz e leite por exemplo, são subsidiados pelo governo. O salário mínimo pode custar U$4,50 a 6 por hora enquanto o aluguel é estimado a U$800 por mês. A população local não paga impostos.
O turismo é responsável por 80% da economia das Bahamas.

  • Custo de vida 82,51
  • Índice do supermercado 62,60
  • Índice Preço do restaurante 83,66
  • Poder de compra local: 54,18

7 – Luxemburgo

Um dos menores países da Europa, Luxemburgo está localizado entre a Bélgica, França e Alemanha. Suas cidades não são muito grandes e a maior parte da população mora nas áreas rurais. A capital possui um dos melhores salários mínimos da Europa: em torno de 2071 euros por mês (U$2250). O cálculo do imposto é 52,4%. Um apartamento de um quarto pode custar U$1300. Veja o que fazer em Luxemburgo.

  • Custo de vida 81.89
  • Índice do supermercado 69.10
  • Índice Preço do restaurante 89.85
  • Poder de compra local: 103.92

8 – Israel

Situado no Oriente Médio, Israel é um Estado relativamente novo, criado em 14 de maio de 1948. A região foi palco de muitos conflitos e já pertenceu há muitas nações, como Persas, Otomanos, Egípcios e Árabes.



O salário mínimo é de 4.300 Shekels (aproximadamente USD 1.215) e o imposto pode chegar a 50%. Um aluguel de apartamento de 1 quarto na sua capital, Tel Aviv, custa bem caro e o mais barato que encontrei foi de USD 1.380 ao mês. Os custos mensais variam de 3.000 a 11.000 Shekels, dependendo se mora sozinho ou divide quarto.

Um salário para viver confortável em Tel Aviv deve ser 6.000+ alugando quarto e 11.000+ alugando uma casa/apartamento.

  • Custo de vida 81,15
  • Índice do supermercado 66,31
  • Índice Preço do restaurante 88,65
  • Poder de compra local: 78,09

9 – Singapura

Singapura é formada por 63 ilhas e faz fronteira apenas com a Malásia, tendo apenas duas pontes que conectam ambos países. A cidade estado foi colônia britânica e uma importante rota de comércio. Tomada pelo Japão durante a Segunda Guerra, retornou a ser colônia britânica com o fim da guerra e se tornou independente em 1965. Singa é um dos principais hubs da Ásia e possui o melhor aeroporto do mundo: o Changi Airport (simplesmente lindo!!). Confira o guia de Singapura.

predios na marina bay em Singapura
Singapura é estonteante!

O país não possui um salário mínimo oficial, então procurei por um salário do McDonald’s e achamos vagas por USD 1.604. O imposto sobre o salário pode chegar a 42%, sendo 20% de pensão.
O aluguel de um apartamento varia com a região e fica entre 1.500 e 4.500 ao mês. As despesas mensais custam outros 1.500 ao mês.

  • Custo de vida 81,10
  • Índice do supermercado 66,75
  • Índice Preço do restaurante 58,99
  • Poder de compra local: 88,96

10 – Coréia do Sul

Uma das nações mais antigas do mundo, a Coréia existe desde o século 7 A.C. Esteve sob dominação japonesa entre 1910 e 1919 e novamente durante a Segunda Guerra Mundial. Entre Setembro de 1945 e Agosto de 1948 ficou sob administração americana. Mais tarde se dividiu em duas.

O salário mínimo sul coreano é de 1.750.150 Wun, que seria o equivalente a USD 1.420.
Os custos mensais em Seuol, capital sul coreana, é de 2.080.600 Wun (USD 1.750) com aluguel incluso. O aluguel de um apartamento de 1 quarto fica em torno de 838.800 Wun (USD 705) ao mês.

  • Custo de vida 78,18
  • Índice do supermercado 91,31
  • Índice Preço do restaurante 44,87
  • Poder de compra local: 85,21

Conclusão dos países mais caros para morar

É importante notar que uma moeda valorizada influencia diretamente no poder de compra local. Assim, um país com uma moeda desvalorizada como o Brasil, tem um valor de compra reduzido se comparado aos Estados Unidos. Além disso, vários produtos são comercializados em dólar, por exemplo a farinha. Se o dólar está alto, o custo do pão para o brasileiro também será influenciado,

Apesar de todos os países apresentarem um valor alto em relação ao imposto taxado no salário, é possível ver o retorno na qualidade de vida. Cidades limpas, organizadas e seguras, além de serviços bons de saúde e educação.

Agora confira os 10 países mais baratos para morar na Europa

Gostou dessa lista de 10 países mais caros para morar?

Leia também:

  1. 5 formas para conseguir a Cidadania Europeia
  2. Passaporte brasileiro: os melhores do mundo e países que exigem visto
  3. 6 Trabalhos que te pagam para viajar, salários e como chegar…

Salve no pinterest

paises mais caros para brasileiro morar
Paises mais caros para brasileiro morar
Viaje com a Angie Faça sua reserva através dos parceiros do blog! VOCÊ NÃO PAGA MAIS POR ISSO, nos ajuda a criar conteúdo cada vez melhor pois ganhamos uma pequena comissão. Obrigada!
CONTA BANCÁRIA NA EUROPA
Com Transferwise você economiza dinheiro durante o intercâmbio ou morando em outro país. Veja como transferir dinheiro para o exterior.

PRESETS APURE GURIA
Conheça minha coleção especial de filtros para celular e deixe suas fotos mais vibrantes com apenas um clique!

SEGURO VIAGEM
O Seguro Viagem é obrigatório em muitos países, faça a cotação com a Real Seguros e garanta melhor custo benefício. Desconto de 10% exclusivo para leitores! Veja por que viajar com Seguro Viagem.

HOSPEDAGEM
Os melhores hotéis e hostels em um só lugar com cancelamento gratuito. Conheça o Booking.com!

AIRBNB
Alugue apartamentos ou quartos com preços especiais, ótimos para quem viaja em grupo! Reserve no Airbnb e ganhe R$180 de desconto na sua primeira hospedagem.

INGRESSOS
Fuja das filas nas maiores atrações no mundo adquirindo com antecedência e pagando com cartão de crédito ou Paypal no Get Your Guide.

AULA DE IDIOMA COM PROFESSOR NATIVO
Aprenda qualquer idioma em casa com aulas virtuais e preços acessíveis. Ganhe 10 USD de desconto na sua primeira compra na plataforma do Italki!

VOLUNTARIADO NA VIAGEM
Torne-se voluntário por alguns dias na sua próxima viagem, troque experiências, conheça pessoas novas e economize dinheiro! Conheça o Worldpackers! Leitores do Apure Guria ganham 10 USD de desconto!

CONHEÇA TODOS OS SERVIÇOS DO BLOG!

Travel blogger e designer aspirante à muitas coisas e com PhD em zuera, não dispensa uma aventura cheia de desafios e tragédias. Nas horas vagas joga games, canta e planeja as próximas viagens.

9 COMENTÁRIOS

  1. Cara, eu só passei um dia na Suíça e já fiquei assustado! Surreal! kkk Sabia que ia estar na liderança! O resto dos países eu mais ou menos sabia que eram caros, só fiquei meio surpreso com Singapura, achei que não estaria na lista.

    • singa é caro pra chuchu, quando fui em 2013 fiquei num hostel muuuito afastado para poder pagar hauehae
      graças a odin hj n passaria pela mesma situação, pq foi horrivel… no entanto, tem muita coisa grátis pra fazer na cidade

  2. hehehe eu ainda não visitei nenhum deles, porque vários deles são bem caros pra viajar né? hihihi
    Mas se pudesse escolher, com certeza queria morar uma temporada na Dinamarca 😀

  3. Eu jurava que o Brasil estaria no topo dos 10 Países mais caros para morar e viver. Acho tudo tão absurdo por aqui. E a gente achando que lá fora é melhor hahhaha

  4. Morando no Rio, certamente eu estou morando em um dos locais mais caros para morar dentro do Brasil. Então acho que tiraria de letra viver em outros países como esses da lista.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here