Como alugar casa na Inglaterra: dicas e sites

2
660

Alugar casa na Inglaterra ou mesmo um apartamento pode parecer fácil, mas não é, principalmente para os recém chegados. Eu já tinha comentando em artigos anteriores que a melhor forma é através de uma imobiliária, no entanto é possível alugar diretamente com o proprietário. Neste caso requer alguns cuidados extras!

Neste artigo dou dicas para alugar casa na Inglaterra, sites de imóveis, como realizar a busca, custos e impostos que você deve pagar ao morar no Reino Unido. Confira o vídeo!

Clique aqui e assine nosso canal no YouTube

Como alugar casa na Inglaterra

1 – Primeiros passos

Normalmente quem acaba de chegar no país sozinho aluga um quarto pois é muito barato, fácil de alugar e não requer muitas verificações em documentos. Casais também conseguem alugar quarto. Essa é a primeira etapa para conseguir um emprego, economizar e alugar um apartamento no futuro.

Precisa ter em mente que várias cidades são disputadas como por exemplo Londres, Manchester, Bournemouth…. Então é difícil encontrar um apartamento bom, barato e bonito assim já de cara. Requer muita pesquisa e sorte. Se você morar no interior, fica muito mais fácil. Leia Como é morar no interior da Inglaterra: vantagens e dicas

Normalmente a cozinha vem montada com armário, fogão, forno e pia. Nós compramos a geladeira e máquina de lavar roupa usadas.

como alugar casa na inglaterra
Algumas cozinhas podem vir completas

No vídeo abaixo falo mais dicas para alugar casa na Inglaterra, clique para assistir:

2 – Sites para alugar casa na Inglaterra

Existes inúmeros sites para fazer a sua busca de imóveis na Inglaterra. Você encontrará casas e apartamentos para alugar ou vender e também quartos em casa compartilhada.


Nestes sites você encontrará anúncios de imobiliárias (agency) e anúncios de proprietários (landlords). Utilize os filtros para ver casas para vender ou alugar, preço mínimo e tipos de propriedade.

  • Onthemarket muito bem estruturado, fácil de usar
  • Zoopla calcula os gastos mensais da casa
  • Marketplace do facebook: anúncios por proprietário
  • Gumtree quartos, apartamentos, app um pouco bagunçado
  • Openrent direto com o proprietário, normalmente é mais barato
  • Spareroom quartos para alugar, quartos para quem trabalha apenas durante a semana

3 – Fazendo a visita

Para visitar o apartamento é só mandar uma mensagem para “o anúncio” e escrever “Request a viewing” por exemplo. Devido ao coronavírus na Inglaterra, vários lugares só estão permitindo a visita online com alguém mostrando o lugar por uma chamada em vídeo ou enviam um vídeo pronto.

Se você está em outro país, pode ser que seja a imobiliária exija que algum amigo seu visite o lugar antes de você assinar o contrato.

4 – Quanto custa alugar um apartamento na Inglaterra

Nos anúncios dos sites que mencionei acima, normalmente está escrito apenas o custo do aluguel para casas e apartamentos. Os custos com água, luz, internet, impostos não estão e devem ser pagos a parte. Essas contas geralmente estão inclusas para quem aluga quarto.

Um dos impostos mais importantes daqui se chama Council Tax, o imposto sobre a propriedade doméstica. É equivalente ao imposto municipal no Brasil e inclui taxa de bombeiro, polícia, manutenção da cidade, taxa do lixo e por aí vai. O pagamento é calculado para um ano e pode ser pago mensalmente.

O valor do Council Tax muda de acordo com a cidade, a localização, o tamanho da casa, quantidade de quartos e quantas pessoas moram nela.

Para vocês terem uma ideia dos meus custos, quando morei em Newbury (1h de Londres):

  • Council Tax: £130
  • Aluguel: £750, flat 1 quarto
  • Internet: £35
  • Veja como era a apartamento no vídeo abaixo:

Agora moro em Stoke on Trent (1h de Manchester):

  • Council Tax: £99
  • Aluguel: £735, casa 3 quartos
  • Internet: £32
  • Veja como é a nossa casa atual no vídeo abaixo:

Veja como calcular aqui Quanto custa morar na Europa: quanto dinheiro levar

5 – Etapas da Imobiliária

Alugar casa na Inglaterra com uma imobiliária é mais complicado, porém mais seguro. Essa é uma das etapas que todo mundo que quer morar na Inglaterra por mais tempo deve passar.

Uma dessas seguranças é o registro do depósito no TDS (Tenancy Deposit Scheme) que garante que você receberá o seu dinheiro de volta quando sair do apartamento. Quando aluga direto com o proprietário, é uma questão de sorte: você pode receber de volta ou não.

1 – Proposed tenancy offer form

Após a sua visita, você preenche este formulário que registra interesse em alugar, você não irá alugar a casa assinando esse formulário. Não há custos nesta etapa. Nele você escreverá onde trabalha, qual o seu salário, se fuma ou não, se tem pets, se recebe benefícios do governo e quanto deseja pagar no aluguel. Esse formulário é encaminhado ao proprietário para conferir se você está dentro do que ele pede e se poderá prosseguir para a próxima etapa.

Por exemplo: você pode fazer uma oferta maior para compensar que levará um cachorro para o apartamento. Muitos lugares não aceitam bichinhos.



2 – Tenant Application Form

Nesta etapa você receberá um formulário mais específico, no qual deverá preencher novamente vários dados, e também pagar uma taxa de comprometimento com a imobiliária. Seria o custo para fazer uma análise de crédito, avaliar se os teus documentos são verdadeiros e se você realmente o visto para morar aqui. Normalmente cobram o valor de 1 semana do aluguel e é transformado em caução, ou seja, você receberá esse valor novamente.

Se você tem um amigo que mora aqui mais tempo, pode usá-lo como fiador (guarantor). No entanto só aceitam quando o amigo é proprietário de uma casa (homeowner) pois usam a casa como garantia.

Se você é autônomo, terá que comprovar seus ganhos com extrato bancário e o contato do seu contador. Não importa se é do Brasil, só precisam verificar que você tem como pagar o aluguel.

Essa etapa pode durar 7 dias ou mais dependendo da imobiliária, da sua velocidade em responder as perguntas e também da sua sorte. Na nossa primeira casa demorou 5 dias, enquanto para a atual demorou 3 semanas.

3 – Contrato final

Se aprovado, a imobiliária te mandará um contrato de aluguel e pedirá o pagamento completo do caução e o pagamento do primeiro mês antes da entrega das chaves.
Leia bem as cláusulas do contrato e esclareça suas dúvidas antes de assinar. Normalmente o contrato mínimo é de um 1 ano.

aluguel de apartamento reino unido
Tava faceira na casa nova!

6 – Golpes do aluguel

Para evitar golpes ao alugar casa na Inglaterra, é preciso verificar se a imobiliária realmente existe, se há avaliações positivas, se há uma loja com fachada vendo o endereço no Google Maps… Você precisa saber se é real antes de fazer a transferência do dinheiro! Se for um negócio sério, só aceitará transferência para conta bancária, não aceitará via Western Union por exemplo.

Se você alugará diretamente com o proprietário, precisa ficar de olho pois a sublocação é proibida sem o consentimento do proprietário. Já ficamos em um quarto no qual a pessoa se passou por proprietário. Ele fez um contratinho mixuruca e 3 semanas depois recebemos um aviso de despejo da justiça. Ou seja: o proprietário real estava tentando recuperar a casa há pelo menos um ano e estava processando esse cara sem noção!

Veja mais Golpes na Europa: Como enganam brasileiros que moram fora

7 – Problema na casa: onde pedir ajuda

Há várias organizações que oferecem informações e ajuda caso você tenha problemas na casa como mofo, infiltração, problemas estruturais, brigas com outros moradores, despejo entre outros problemas.

mofo na parede
Mofo é um problema muito comum nas casas da Inglaterra

Um deles é a Shelter que fornece informações sobre os seus direitos, os deveres dos proprietários e inquilinos e quais ações deve tomar.

O Citizen Advice também ajuda com disputas, dívidas, benefícios, reclamações e até emprego. Cada cidade tem um, então é preciso dar uma ligadinha ou enviar um email.

Além disso também indicam algum advogado que forneça consultoria gratuita e caso seja necessário mais ajuda, você pode contratá-lo.

8 – Multas ao alugar apartamento

Nós pagamos uma multa quando saímos do apartamento anterior porque saímos antes da data estipulada no Contrato. Além disso não existia uma break clause, uma cláusula que permitia essa quebra do contrato. Normalmente os contratos não tem isso, por isso precisa ler bem antes de assinar. Essa multa corresponde aos gastos que o proprietário tem com a imobiliária ao por a propriedade para alugar:

  • taxa da imobiliária (uma % do aluguel e taxas de marketing)
  • custo para fazer referências do novo inquilino
  • registro do depósito
  • novo inventário
  • pagamento do aluguel até achar um novo inquilino

O Tenant Fees Act 2019 é um documento que orienta inquilinos, proprietários e agentes imobiliários em diversas questões. Uma das vantagens desse ato é a abolição das taxas que cobravam além do depósito. Você não é obrigado a pagar as próprias referências.

Fique atento se no seu contrato existe uma cláusula para o que acontece após o término do contrato. Muitas vezes o seu “contrato” será de mês a mês, o que pode ser uma vantagem se você não tem certeza que ficará mais tempo e quer se mudar. Pode ser uma desvantagem se você quer ficar mais tempo, pois a imobiliária pode pedir que você saia da casa dentro de 2 a 6 meses, dependendo o que está escrito nessa cláusula.

Atenção redobrada

Qualquer coisa que você reclamar ou fazer no apartamento, registre por email. Tenha fotos e escreva tudo, assim você tem a data do envio das informações.

Nós cometemos 2 erros:

  • renovamos o contrato sem saber da cláusula após o término do primeiro contrato
  • avisamos que iríamos sair do apartamento por telefone.

Veja também: 10 erros que cometi ao morar fora do Brasil

A dona do apartamento foi bem lazarenta com a gente pois ela TERMINOU DE ASSINAR O CONTRATO DE RENOVAÇÃO 5 minutos após a nossa ligação. Ela não tinha assinado ainda, sendo que nós assinamos 2 meses antes. Ou seja, ela sabia que nós teriamos que pagar todos os custos dela.

Assim que você entrar no apartamento, tire foto de tudo o que achar que pode causar problema no futuro, seja uma mancha na parede, uma pecinha quebrada da porta… Isso ficará cadastrado no inventário e você não terá que consertar quando precisar devolver o apartamento.

Espero que tenha gostado destas dicas de como alugar casa na Inglaterra! Comente se você tem alguma dúvida!

Leia também: Brasileiro no exterior é rico?

Salve no pinterest:

como alugar casa na inglaterra golpes
Como alugar casa na Inglaterra, dicas e golpes
Viaje com a Angie Faça sua reserva através dos parceiros do blog! VOCÊ NÃO PAGA MAIS POR ISSO, nos ajuda a criar conteúdo cada vez melhor pois ganhamos uma pequena comissão. Obrigada!
PRESETS APURE GURIA
Conheça minha coleção especial de filtros para celular e deixe suas fotos mais vibrantes com apenas um clique!

VOLUNTARIADO NA VIAGEM
Torne-se voluntário por alguns dias na sua próxima viagem, troque experiências, conheça pessoas novas e economize dinheiro! Conheça o Worldpackers! Leitores do Apure Guria ganham 10 USD de desconto!

SEGURO VIAGEM
O Seguro Viagem é obrigatório em muitos países, faça a cotação com a Real Seguros e garanta melhor custo benefício. Desconto de 10% exclusivo para leitores! Veja por que viajar com Seguro Viagem.

HOSPEDAGEM
Os melhores hotéis e hostels em um só lugar com cancelamento gratuito. Conheça o Booking.com!

INGRESSOS
Fuja das filas nas maiores atrações no mundo adquirindo com antecedência e pagando com cartão de crédito ou Paypal no Get Your Guide.

AULA DE IDIOMA COM PROFESSOR NATIVO
Aprenda qualquer idioma em casa com aulas virtuais e preços acessíveis. Ganhe 10 USD de desconto na sua primeira compra na plataforma do Italki!
CONHEÇA TODOS OS SERVIÇOS DO BLOG!

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here