Visto para Autônomo na Europa: países que emitem

0
213

Existem vários países que emitem visto para autônomo na Europa. Com a crescente onda dos nômades digitais, vários lugares estão tentando preencher esse vácuo para legalizar essas pessoas que trabalham remotamente e garantir algum retorno ao país.

Para quem não sabe, nômades digitais são pessoas que podem trabalhar de qualquer lugar tendo um notebook conexão à internet, sem precisar de um escritório, e que mudam de local de tempos em tempos. São blogueiros, fotógrafos, designers que possuem o próprio negócio e que trabalham remotamente.

Clique aqui e assine nosso canal no YouTube

Confira as exigências, taxas e países com visto para autônomo na Europa. Assista o vídeo com mais detalhes!

Visto para autônomo na Europa: como funciona

Um dos problemas para quem quer ficar mais tempo na Europa é tempo limitado do visto como turista que normalmente é de 90 dias. Muitos países na Europa pertencem à Zona Schengen, ou seja, é necessário viajar para longe para passar mais tempo em algum país na Europa.

Aí é necessário visitar países como Croácia, Turquia, Ucrânia, Reino Unido que estão fora da lista para ganhar um novo carimbo e mais 90 dias (no caso do UK são 180 dias). Se a pessoa decidir ficar mais tempo no país e ultrapassar o tempo limite, estará ilegal e poderá ter vários problemas no futuro. Poderá ter o passaporte marcado, registro no sistema e até deportado. Veja como é morar ilegal na Europa

Com o visto de turista não é permitido trabalhar nas empresas do país e muitos autônomos (como blogueiros, fotógrafos) continuam com seus próprios trabalhos. Pelo fato de não possuir um visto de residente e sim um visto de passagem (turista), esses autônomos não tem direito ao sistema de saúde do governo ou qualquer tipo de benefício (como ajuda durante a pandemia por exemplo).

É importante salientar que o visto de autônomo na Europa não permite que você trabalhe nas empresas locais, apenas para si mesmo.

Exigências básicas do visto para autônomo na Europa

A maioria dos países com visto para autônomo na Europa pedem alguns documentos e comprovantes para permanecer no local. Os mais comuns são:


  • Possuir renda suficiente para se manter no tempo do visto (varia de país para país)
  • Contratar um seguro viagem ou seguro de saúde nacional
  • Não ter problemas com vistos
  • Passaporte válido para todo o período
  • Currículo e carta de apresentação
  • Poder exercer a profissão tendo conexão com a internet
  • Quarentena na chegada e teste negativo do coronavírus

No vídeo abaixo sobre visto para Autônomo na Europa eu explico melhor alguns detalhes, mostro paisagens dos países e mais dicas! Clique para assistir

Atenção no visto para autônomo na Europa

Existem alguns cuidados a tomar antes de aplicar para visto de autônomo na Europa.

Com a desvalorização do real, fica cada vez mais difícil morar aqui ganhando apenas na moeda brasileira. O ideal é que você não precise converter o seu dinheiro e já ganhe em euros ou em libras, tendo clientes daqui. Se você tem clientes do Brasil, precisará converter até 7x para poder pagar as contas aqui como autônomo. Confira Quanto custa morar na Europa

Esse visto não permite que você trabalhe numa empresa no país! Você precisa trabalhar para si mesmo ou para uma empresa que esteja fora do país. Cada lugar tem um regulamento próprio.

Se você tiver cidadania Europeia, não é necessário aplicar para visto nos países da União Europeia. É só chegar lá e procurar emprego. Confira 5 formas para conseguir a Cidadania Europeia

Países que emitem Visto para Autônomo na Europa

1 – Estônia

Um dos primeiros países a lançar visto para nômades digitais na Europa é a Estônia e permite que estes residam até 1 anos no país. A Estônia já apareceu aqui no blog como um dos países mais baratos para morar na Europa. Existe um esquema chamado e-Residency , o qual permite que você abra uma empresa na Estônia (pertencente à União Europeia). Desta forma, conseguirá abrir uma conta no banco para realizar transações financeiras. O ponto negativo é que não permite morar no país. Já com o visto de nômades digitais é permitido!

visto nomade digital estonia
A Estônia possui um visto para nômades digitais

Condições básicas:

  • Comprovar 3500 euros mensais nos últimos 6 meses com notas fiscais e extrato bancário ou ter uma renda de 28 mil euros no banco
  • Desenvolver o próprio trabalho usando a internet
  • Ter contrato com alguma empresa ou empresa própria que preste serviços para fora da Estônia
  • Passaporte válido
  • Currículo e carta de apresentação

Como aplicar

2 – Alemanha

A Alemanha já tem alguns vistos de autônomo chamado de Freiberufler ou Gewerbetreibende Visum (ambos são chamados de Visum zur Selbständigkeit). É necessário enviar muitos documentos e comprovações no Finanzamt da cidade que você já está morando. É um processo bem burocrático que leva algum tempinho,

Condições básicas:

  • Estar habilitado a trabalhar na sua profissão e mostrar portfolio
  • Avaliam que o seu negócio trará para a economia local e se haverá algum desenvolvimento econômico e ter clientes locais.
  • Interesse econômico ou necessidade na região
  • Atividade com efeitos positivos na economia
  • Atuar na área de saúde, direito, contabilidade, línguistica ou científica
  • Ter endereço na Alemanha
  • Comprovante de renda
  • Plano de saúde alemão

Como aplicar

  • O visto de autônomo da Alemanha é válido de 3 meses e pode ser renovado até 3 anos e nesse período pode aplicar para o visto de residente. Esse visto custa 60 euros e o de residência 140 euros.
  • Cada cidade tem o seu próprio esquema de visto e você pode conferir o de Berlim. Para marcar um horário é neste site aqui.

3 – Portugal

O visto para autônomo em Portugal é conhecido como D2 e também indicado para empreendedores, de preferência prestação de serviços, e vale por um ano, podendo ser renovado para 5 anos. É preciso fazer o cadastro e a verificação da atuação da profissão nas organizações locais (que muda de profissão para profissão, como CREA, OAB etc). O visto sai de 45 a 60 dias.

portugal é lindo Farol Museu de Santa Marta dicas cascais
Cascais em Portugal é encantadora

Condições básicas

  • Verificação da atuação
  • Cadastro em organizações da profissão em Portugal
  • Trabalhar com prestação de serviços
  • Provar meios financeiros como renda, propriedade ou empresa própria
  • Plano de saúde ou seguro viagem
  • Antecedentes criminais a ser realizado em Portugal
  • Ganhar no mínimo €600 por mês

Como aplicar:

  • Reunir todos os documentos e preencher o formulário
  • Marcar um horário na Embaixada de Portugal mais próxima
  • Pagar a taxa do visto de €83 e €72 da residência
  • Veja também como funciona o StartUP visa

4 – República Tcheca

Um dos países mais baratos da Europa, a Rep. Tcheca tem um visto para autônomos com um nome meio complicado Zvino. Para aplicar é necessário verificar se a sua profissão está numa lista de negócios interessantes para o país. Aí é preciso fazer o pedido direto na embaixada e demora de 90 a 120 dias para ser aprovado. É um processo burocrático e muitos escolhem Praga para morar.

Condições básicas

  • ter um negócio dentro desta lista aqui
  • comprovar acomodação por um ano
  • Comprovar €5,587 no banco
  • Pagar 1,800 Kč em taxas locais

Como aplicar

  • Reunir os documentos (seria interessante procurar uma agência)
  • Marcar um horário na Embaixada Tcheca
  • Pagar a taxa de €100

5 – Noruega

A Noruega tem um dos visto para autônomos da Europa mais caros: custa 600 euros! É preciso ter 35700 euros na conta, além de vários documentos e comprovações que devem ser enviados online pelo site oficial. O visto se chama Independent Contractor.

opera oslo em dia de sol
A linda Ópera de Oslo!

Existe um arquipélago da Noruega chamado Svalbard que não é preciso de visto para trabalhar lá. Você ganhará uma permissão para toda a sua vida com a condição de que tenha meios de se sustentar por lá, o que não é NADA BARATO. Por ser uma região bem ao norte, é muito gelada, onde há poucas opções de comida no mercado e normalmente são mais caras. Os aluguéis são caros e alugar um imóvel é um negócio muito complicado e há poucas casas disponíveis. Trata-se de uma região de mineração, na qual as empresas só constroem para os funcionários basicamente. Durante o inverno não há luz, 24 horas de escuridão, e volta e meia dá pra avistar ursos polares.

Condições básicas:

  • Você precisa ser autônomo com um contrato para trabalhar num projeto para uma empresa na Noruega
  • Precisa comprovar qualificações relevantes da sua profissão
  • Comprovante de acomodação na Noruega
  • Comprovar €35,719 ao ano sem impostos

Como aplicar

6 – Croácia

Um dos países que irão emitir visto para nômades digitais na Europa ano que vem é a Croácia! Com belas praias, clima mais amigável e preços mais baixos, esse país tem ótimas chances de ser um dos favoritos da galera! Ainda não há informações oficiais disponíveis sobre o visto da Croácia para nômades digitais e, assim que estiver disponível, eu atualizo aqui.

7 – Geórgia

Esse é um país um pouco desconhecido para brasileiros! A Geórgia tem muita comida boa, povo amigável e paisagens bem legais. O processo para fazer o visto de autônomo na Geórgia é digital



Condições básicas:

  • Contratos dos últimos 12 meses
  • Comprovante de renda (poupança, contratos)
  • Quarentena obrigatória de 8 dias
  • Receber no mínimo 2000 dólares por mês
  • Enviar curriculo com carta de apresentação e Linkedin
  • Comprovar que trabalhará pela internet

Como aplicar

Preencher o formulário oficial

8 – Espanha

A Espanha também tem um visto chamado de “não lucrativo” para um ano com a possibilidade de renovação. É um visto indicado para quem é auto suficiente, que está aposentado curtindo a vida num estilo de vida mais tranquilo. Para o visto de autônomo, há mais regrinhas.

roteiro de 3 dias em barcelona parque guell
Barcelona é um dos lugares mais legais da Espanha

Condições básicas

  • Meios financeiros como investimento ou aposentadoria (no mínimo €2151 ao mês) ou €25816 na conta
  • Plano de seguro espanhol
  • Antecedentes criminais
  • Atestado Médico que comprova boa saúde
  • Mostrar qualificação profissional
  • Projeto de negócio
  • Comprovar investimento econômico

Como Aplicar

  • Reunir todos os documentos e marcar uma visita na Embaixada espanhola mais próxima de você
  • Todos os documentos devem ser traduzidos para o Espanhol e autenticados
  • Fazer um juramento que não trabalhará em empresas na Espanha
  • Pagar a taxa do visto de 130 euros

Países fora da Europa com visto para autônomo

Existem mais países com visto para autônomos, freelancers e nômades digitais. Alguns são bem burocráticos, outros com vistos bem caros e com requisitos difíceis de serem alcançados. De qualquer forma, segue a listinha!

  • Costa Rica: mínimo 2500 dólares por mÊs
  • México: mínimo 1620 dólares por mês
  • Austrália
  • Tailândia
  • Anguilla: só o visto custa 2000 USD
  • Dubai: 5000 USD por mês
  • Bermuda
  • Barbados
  • Antigua e Barbuda

Gostou desse artigo sobre países que emitem visto para autônomo na Europa? Leia também 5 PAÍSES FÁCEIS para brasileiro morar e trabalhar

Salve no pinterest

visto para autonomo na europa
Pin Visto para Autônomo na Europa
Viaje com a Angie Faça sua reserva através dos parceiros do blog! VOCÊ NÃO PAGA MAIS POR ISSO, nos ajuda a criar conteúdo cada vez melhor pois ganhamos uma pequena comissão. Obrigada!
CONTA BANCÁRIA NA EUROPA
Com Transferwise você economiza dinheiro durante o intercâmbio ou morando em outro país. Veja como transferir dinheiro para o exterior.

PRESETS APURE GURIA
Conheça minha coleção especial de filtros para celular e deixe suas fotos mais vibrantes com apenas um clique!

SEGURO VIAGEM
O Seguro Viagem é obrigatório em muitos países, faça a cotação com a Real Seguros e garanta melhor custo benefício. Desconto de 10% exclusivo para leitores! Veja por que viajar com Seguro Viagem.

HOSPEDAGEM
Os melhores hotéis e hostels em um só lugar com cancelamento gratuito. Conheça o Booking.com!

AIRBNB
Alugue apartamentos ou quartos com preços especiais, ótimos para quem viaja em grupo! Reserve no Airbnb e ganhe R$180 de desconto na sua primeira hospedagem.

INGRESSOS
Fuja das filas nas maiores atrações no mundo adquirindo com antecedência e pagando com cartão de crédito ou Paypal no Get Your Guide.

AULA DE IDIOMA COM PROFESSOR NATIVO
Aprenda qualquer idioma em casa com aulas virtuais e preços acessíveis. Ganhe 10 USD de desconto na sua primeira compra na plataforma do Italki!

VOLUNTARIADO NA VIAGEM
Torne-se voluntário por alguns dias na sua próxima viagem, troque experiências, conheça pessoas novas e economize dinheiro! Conheça o Worldpackers! Leitores do Apure Guria ganham 10 USD de desconto!

CONHEÇA TODOS OS SERVIÇOS DO BLOG!

Travel blogger e designer aspirante à muitas coisas e com PhD em zuera, não dispensa uma aventura cheia de desafios e tragédias. Nas horas vagas joga games, canta e planeja as próximas viagens.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here