O que fazer em Budapeste: roteiro 3 dias

2
67

O que fazer em Budapeste? Hoje vou compartilhar as minhas impressões e dicas sobre uma das cidades mais bonitas e baratas da Europa.

Budapeste, a capital da Hungria, é cortada pelo Rio Danúbio e conhecida por um clima vibrante e repleto de dualidades. De um lado, temos Buda, a região mais clássica e lar dos pontos turísticos históricos. Do outro, Peste, que possui uma vibe mais moderninha.

Se você está planejando uma viagem a Budapeste ou apenas sonhando com essa aventura, este artigo é o seu guia de três dias para explorar o melhor que a cidade tem a oferecer. Prepare-se para se apaixonar pelos encantos do Danúbio e as maravilhas dessa cidade única. Continue lendo o meu roteiro e o que fazer em Budapeste!

O que fazer em Budapeste: roteiro e 12 atrações

Apesar de ser conhecida por sua dualidade, Budapeste é, na verdade a fusão de três cidade: Buda, Óbuda e Pest, e foi fundada em 1873.

o que fazer em budapeste roteiro 3 dias
O que fazer em Budapeste: roteiro 3 dias

O que encanta muitos turistas e inclusive a mim, é a sua riqueza histórica, cultural e gastronômica. Em meu artigo 10 Curiosidades sobre Budapeste, eu exploro mais as peculiaridades dessa cidade. No entanto, adianto desde já que a diversão e a descoberta não têm fim em Budapeste, com uma infinidade de opções e atrações que garantem que ninguém jamais se sinta entediado.

Melhor época para visitar Budapeste

Escolher o momento certo para explorar Budapeste pode fazer toda a diferença na sua experiência. Primavera, verão, outono ou inverno? Qual é a melhor época para visitar? Vai depender do tipo de viajante que você. Afinal, a Europa como um todo tem suas estações muito bem definidas. O que fazer em Budapeste vai depender da época que você visitar a capital da Hungria.

A primavera (março a maio) traz temperaturas amenas e as primeiras flores desabrochando nos parques e jardins da cidade. É uma ótima época para caminhar às margens do Danúbio e explorar os pontos turísticos sob um clima agradável.


Já o verão (junho a agosto) é marcado por um clima quente e ensolarado, tornando essa estação ideal para desfrutar das termas ao ar livre de Budapeste e dos festivais de música e cultura que animam a cidade. Eu gostei muito de visitar Budapeste nesta época, deu pra aproveitar bem as atrações e estava bem quente!

melhor epoca visitar budapeste
O verão é a melhor época para visitar Budapeste

O outono (setembro a novembro) conta com temperaturas amenas e menos multidões de turistas. É a estação perfeita para apreciar as cores quentes das árvores e saborear a culinária húngara em aconchegantes restaurantes locais.

Para aqueles que amam o clima aconchegante do inverno (dezembro a fevereiro), Budapeste se transforma em um conto de fadas, com mercados de Natal encantadores e a oportunidade de relaxar nas famosas termas da cidade, como as Termas Széchenyi, enquanto o frio paira do lado de fora. Já visitei nessa época e foi bem gelado!

Como chegar em Budapeste

Para a maioria dos viajantes, a rota mais comum para Budapeste é por meio do transporte aéreo. No entanto, é importante notar que não existem voos diretos do Brasil para Budapeste. Assim, a maioria dos passageiros fará escalas em outros países europeus, como Alemanha, Inglaterra, França ou Holanda. Aqueles que preferem uma abordagem euro-asiática podem optar por escalas na Turquia.

De Portugal, você tem a vantagem de voos diretos saindo de Lisboa para Budapeste, tornando a viagem mais direta e conveniente.

O aeroporto de Budapeste é o maior e mais movimentado da Hungria, oferecendo uma variedade de serviços para atender às necessidades dos passageiros. Vale a pena reservar um transfer do aeroporto para a sua hospedagem!

budapeste roteiro 3 dias dicas de viagem transporte
Budapeste roteiro de 3 dias

Agora, se você está explorando a Europa e deseja uma experiência mais cênica, considere a opção de chegar a Budapeste de trem ou ônibus. A cidade tem excelentes conexões ferroviárias com outras capitais europeias, tornando o sistema ferroviário uma opção popular para viajantes que buscam conforto e paisagens pitorescas ao longo do caminho. Da mesma forma, as rodovias europeias bem conservadas facilitam a viagem de carro ou ônibus.

Já pensou em chegar em Budapeste de barco? Também é possível por meio de Viena na Áustria, e Bratislava na Eslováquia.


Onde ficar em Budapeste

Onde ficar em Budapeste? Essa pergunta não tem uma resposta unânime, pois a cidade é muito diversa, o que faz com que cada público se sinta mais em casa em determinada região.

Mas para te dar um norte, separei algumas dicas de regiões e hotéis para você se hospedar.

O Distrito I é uma região que concentra os principais pontos turísticos, além de ser mais residencial. Então, você quer mais tranquilidade e ficar perto do Castelo de Buda, o Bastião dos Pescadores, a Igreja de São Matias ou da Citadella, essa é uma ótima pedida. Porém, essa é uma região com menos comércios e restaurantes.

onde ficar budapeste hotel por do sol
Onde ficar em Budapeste

Agora se você quer ficar na área mais central, minha dica é o Distrito V. Nessa área, você estará pertinho do Parlamento da Hungria, da Basílica de Santo Estevão e da Fashion Street.

A região é mais agradável, porém os valores de hospedagem são um pouco mais elevados. Clique no nome para obter mais detalhes de cada hospedagem em Budapeste:

ibis Budapest Castle Hill ⭐⭐⭐ nota 8,5: essa acomodação oferece um excelente custo-benefício, além de estar a 1,2 km do Museu de História de Budapeste. A recepção é 24h e o hotel ainda conta com um restaurante.



Gateway Budapest City Center ⭐⭐⭐ nota 9,4: sua localização é bem central, ficando próximo a diversos bares, restaurantes e supermercados. Além disso, essa acomodação oferece, por um custo extra, o translado para o aeroporto, caso você deseje uma viagem mais tranquila e cômoda.

D8 Hotel⭐⭐⭐nota 8,9: este hotel está localizado bem pertinho da famosa Széchenyi Chain Bridge, a Ponte das Correntes. Então, para você que deseja conhecer esse icônico ponto turístico, estará a apenas 400 metros dele. Além disso, a propriedade está a 6 minutos da Basílica de Santo Estêvão. No quesito estrutura, o hotel conta com um lounge compartilhado e bar.

Flow Spaces ⭐⭐ nota 8,5: este hostel é um dos melhores de Budapeste, tem uma atmosfera bem legal. Os quartos são bem limpos, às vezes consegue alugar todo o espaço pra você, inclusive com banheiro privativo. Fica um pouco mais ao sul da cidade, mas próximo ao mercado.

bastiao dos pescadores budapeste
Bastião dos Pescadores em Budapeste com vista para o Parlamento Húngaro

Como se locomover em Budapeste

Já imaginou explorar uma das mais antigas redes de metrô do mundo enquanto se desloca pela cidade? O histórico metrô de Budapeste é um dos principais meios de transporte da cidade, destacando-se pela extensa rede de trilhos que percorre.

Além disso, você também tem a opção de conhecer a cidade utilizando ônibus e bondes, conhecidos como trams ou VLTs. Não aconselho você explorar Budapeste a pé, pois as atrações não são tão próximas uma da outra. A melhor opção e a mais barata é o transporte público. Leve dinheiro em espécie para comprar os tickets (dê preferência para comprar o carnezinho de 10 no metrô que aí pode usar nos outros também).

transporte publico budapeste
Transporte público em Budapeste

Para quem tem pouco tempo, recomendo os famosos ônibus hop in hop off que te deixam nos pontos turísticos principais. Durante o caminho você pode escutar as histórias da cidade em português no guia de áudio do próprio ônibus. Assim você não se preocupa muito em O que fazer em Budapeste, só vai!

Outra opção é comprar o Budapest Card, que te dá acesso ilimitado ao transporte público e entrada gratuita para as mais de 30 atrações como Galeria Nacional, museus, BUdatower, Caverna Pálvölgyi, Teleférico de Zugliget, Banho Termal e na Piscina St. Lukács, tour guiado na cidade.. Também te dá descontos de até 50% em diversas atrações e excursões! Compre aqui o seu Budapest Card.

transporte budapest card
Budapest Card: Cartão de transporte e descontos

Roteiro em Budapeste 3 dias

Está com o roteiro apertado? Não se preocupe! É possível conhecer a capital da Hungria mesmo em um período curto. Para te ajudar nesse planejamento, confira meu roteiro em Budapeste de 3 dias:

  • Dia 1: Széchenyi Chain Bridge, Bastião dos Pescadores, Igreja Matias e o Castelo.
  • Dia 2: Mercado de Budapeste, centro histórico, Basílica de Santo Estêvão, Parlamento Húngaro e Ilha Margarida.
  • Dia 3: Guellért Thermal Bath, Rock Chapel, tour de barco e Bairro Judeu.

O que fazer em Budapeste: 12 melhores atrações

A capital da Hungria tem inúmeras atrações para conhecer, no entanto eu separei as mais interessantes para a sua viagem a Budapeste!

1 – Széchenyi Chain Bridge

Também conhecida como a “Pontes das Correntes”, é uma atração imperdível para se explorar a pé, sendo via de acesso para outras atrações como o Bastião de Pescadores. Você também pode conhecê-la fazendo um tour de barco.

A ponte é encanta a todos por conta de sua engenharia e design, mas ela também possui um significado mais profundo, pois simboliza a união das duas cidades que formam Budapeste. Ela desempenha um papel fundamental em sua identidade e é frequentemente associada à história e à cultura húngaras. Não pode ficar de fora da sua lista O que fazer em Budapeste!

ponte dos arcos budapeste dicas
Ponte das Correntes em Budapeste

Ela foi a primeira a ser  construída lá em 1849 e foi totalmente destruída durante a Segunda Guerra Mundial (reconstruída em 1949). A paisagem no caminho é muito bonita e você vê as diferenças entre as partes da cidade já nesse passeio e poderá apreciar de perto sua elegante arquitetura, desfrutar da vista do rio Danúbio e dos monumentos icônicos de ambos os lados. Essa ponte precisa estar na sua lista de o que fazer em Budapeste!

No final da ponte você pode subir de funicular para a parte superior de Buda ou caminhar pela rua.

Quando fomos em setembro de 2022, esta ponte estava em reforma.

ponte leao arcos em budapeste dicas de viagem
Ponte das Correntes em Budapeste

2 – Bastião dos Pescadores

Sabe aqueles lugares super instagramáveis com uma vista única? O Bastião dos Pescadores é exatamente assim. Apesar que dependendo o dia e o horário da visita, você irá precisar se desdobrar para conseguir fazer uma foto, pois é sempre cheio de turistas.

melhores atracoes budapeste bastiao
Bastião dos Pescadores em Budapeste


O mirante é formado por sete pilates que representam os povos que fundaram a Hungria. E em sua praça, em frente à Igreja Matias, fica a estátua do Rei Santo Estevão, que foi santificado e foi o primeiro rei do país. Uma curiosidade é que ele foi santificado após trazer o cristianismo para os húngaros, marcando um momento crucial na história do país.

O Bastião dos Pescadores não é apenas um local para apreciar vistas espetaculares, mas também um marco histórico e cultural que celebra as raízes da nação húngara que não pode ficar de fora do roteiro o que fazer em Budapeste!

o que fazer em budapeste pontos turisticos
O que fazer em Budapeste: Bastião dos Pescadores


3 – Igreja Matias

Localizada ao lado do Bastião dos Pescadores, a igreja de telhados coloridos é mais uma atração que vale a pena conhecer. Os vestígios históricos indicam sua origem remontando ao ano de 1100, mas a estrutura que se encontra hoje data do século XIV, com uma restauração realizada no século XIX para preservar sua beleza original. Vale destacar que, ao longo dos anos, a igreja foi palco de momentos históricos memoráveis, como a coroação de Carlos IV em 1916.

É possível visitar o interior da igreja Matias pagando um ingresso 2000 HUF e fica aberto até às 17h.

igreja matias bastiao dos pescadores
Igreja Matias no Bastião dos Pescadores

4 – Castelo de Budapeste

O Castelo de Buda é um complexo histórico de edifícios reais e construídos pela primeira vez no século XIII. A maior parte do complexo atual foi construída entre 1749 e 1769 em estilo barroco. O castelo abriga a Galeria Nacional Húngara e o Museu Histórico de Budapeste.

Castelo de Budapeste
Castelo de Budapeste

O Castelo de Buda fica no extremo sul da Colina do Castelo, cercado pela área turística conhecida como Várnegyed (Bairro do Castelo), famosa por suas casas, igrejas, edifícios públicos e monumentos medievais, barrocos e neoclássicos.

Para chegar aqui pode ir andando pela rua na saída da Ponte das Correntes Széchenyi ou optar o Funicular do Castelo. O castelo foi declarado Patrimônio Mundial de Budapeste em 1987.

Vista do funicular para o Castelo de Budapeste
Vista do funicular para o Castelo de Budapeste

No vídeo abaixo mostro um pouco mais sobre O que fazer em Budapeste e esta parte linda da cidade:

5 – Parlamento Húngaro

O Parlamento Húngaro é uma atração indispensável neste artigo o que fazer em Budapeste! É uma das estruturas legislativas mais antigas e impressionantes de toda a Europa. Ele está localizado na Praça Kossuth Lajos, às margens do Danúbio.

A beleza da experiência não se limita à sua imponente fachada. A realização de um tour no interior do edifício é uma experiência que vale muito a pena. Os passeios têm a duração média de 45 minutos e proporcionam aos visitantes a oportunidade de explorar salões repletos de obras de arte e decorações magníficas. Precisa ser comprado diretamente no site oficial e com antecedência, pois esgota rapidamente.

budapeste roteiro dicas de viagem
Parlamento Húngaro iluminado em evento no verão

6 – Mercado de Budapeste

Uma das coisas que eu mais gosto de fazer em viagem é conhecer os mercados locais, pois é nesses lugares que eu consigo ter um contato maior com os pratos tradicionais e também para experimentar frutas e vegetais diferentes.

O Mercado de Budapeste não apenas atende a todas essas expectativas, mas também se destaca por sua arquitetura única. Além disso, um dos andares é repleto de lojas que oferecem uma variedade surpreendente de produtos, incluindo camisetas, toalhas, brinquedos e tapeçarias.

Portanto, visitar o Mercado de Budapeste não é apenas uma experiência culinária enriquecedora, mas também uma oportunidade de explorar um ambiente rico em cultura, arte e produtos locais. Sem falar que economiza bastante no café da manhã!

mercado de budapeste comida local
Mercado de Budapeste e comidas

7 – Ilha Margarida

Com mais de 2.500 metros de área, a Ilha Margarida é o lugar para você curtir ao ar livre, conhecendo seus jardins e as ruínas do Convento de Santa Margarida. Em minha visita ao local, aproveitei para acompanhar o show das águas, em que os chafarizes acompanham o movimento das músicas, criando uma experiência visual e sonora memorável.

Você também pode aproveitar o local para tomar um sorvete, conhecer os bares e as 11 piscinas do parque aquático Palatinus. Essa atração é melhor aproveitada durante o verão, outono ou primavera. Se você for no inverno, acho melhor tirar da sua lista de o que fazer em Budapeste.

Para chegar à Ilha pode-se chegar a pé ou de bonde, utilizando as linhas 4 e 6, a Ponte Margarida onde fica o acesso.

roteiro budapeste ilha margarida
Fonte com show de águas dançantes na Ilha Margarida

8 – Banhos termais

Quando falamos de Budapeste, uma das experiências que não pode faltar no seu roteiro são as termas. A cidade é conhecida mundialmente por suas águas medicinais e são várias opções para escolher.

A icônica Széchenyi Thermal Spa é a mais famosa, inaugurada em 1913 com estilo neogótico e conta com mais de 15 piscinas, das quais 3 são grandes piscinas externas. O spa está aberto todos os dias das 6h às 22h, e os preços variam de acordo com os serviços que você deseja utilizar.

Ela é muito procurada por jovens por causa das festas nas termas durante à noite! Como as festas lotam, é bom comprar o seu ingresso noturno para as termas com antecedência.Se você gosta de festas diferentonas, precisa adicionar esta a sua lista O que fazer em Budapeste.

>>>> Garanta aqui o ingresso Termas de Széchenyi com Pálinka Opcional

festa banho termal Szechenyi
Festas noturnas no SPA!

Outra opção é a Gellért Thermal Bath, também famosa e com uma arquitetura de cair o queixo! A vantagem é que esse local não costuma estar excessivamente lotado como a anterior.

O complexo oferece uma variedade de instalações, tanto internas quanto externas, proporcionando a oportunidade de desfrutar das águas termais revigorantes, bem como piscinas com água fria para refrescar-se. Além disso, você pode elevar sua experiência reservando uma relaxante massagem, disponível por um custo adicional.

>>>> Compre aqui o seu ingresso para as termas Gellért

aguas termais budapeste
Águas termais em Budapeste

No vídeo abaixo mostro como foi a nossa experiência nas águas termais em Budapeste e outras atrações O que fazer em Budapeste, clique para assistir:

9 – Rock Chapel

Escondida na Colina Gellért logo ao lado da terma, está situada a Rock Chapel (Sziklatemplom), uma caverna que virou igreja. Esse lugar singular oferece uma experiência verdadeiramente única aos visitantes, não apenas devido à sua localização privilegiada, mas também devido à sua atmosfera e vistas.

A caverna também é conhecida como “Caverna de São Ivan” (Szent Iván-barlang), em referência a um eremita que ali viveu e que se acredita ter usado a água termal natural de um lago lamacento próximo à caverna para curar os enfermos.

igreja caverna budapeste rock chapel
A famosa igreja dentro da caverna

A construção da igreja começou em 1926 por monges paulinos e suas portas foram abertas em 1931, sendo utilizada também como hospital para os soldados nazistas durante a guerra. Ela é composta por duas partes, uma delas é uma caverna natural e a outra é artificial. A temperatura na caverna é de 20 °C o ano todo. Em 1934, ela foi complementada com um mosteiro. Ela foi fechada em 1951 com uma parede de concreto durante o regime soviético e só reaberta em 1989.

A igreja é simples e não tem decoração especial, mas é um lugar de paz e adoração. A igreja é acessível por uma escadaria íngreme de 40 degraus e está aberta diariamente das 9h às 19h.

10 – Bairro Judeu e bares em ruínas

Marcado por ruas apertadas e vielas, o Bairro Judeu é um mergulho na história da Segunda Guerra Mundial, quando o bairro foi transformado em um gueto para os judeus húngaros.

Atualmente o bairro é uma área vibrante e moderna, com muitos bares, restaurantes, lojas e galerias de arte. A Grande Sinagoga de Budapeste, a maior sinagoga da Europa, está localizada no bairro. A sinagoga é um marco histórico importante e um local de culto ativo.

Se você estiver interessado em história, pode visitar o Museu Judaico Húngaro com uma coleção de artefatos judaicos e documentos históricos.

Quanto à arquitetura, a área mescla estilos que remontam ao século XIX e ao início do século XX. Entre as ruínas, você encontrará inúmeros bares, como o Szimpla Kert, que se destaca por sua decoração notavelmente peculiar. Esse estabelecimento exibe objetos fora de seus contextos tradicionais, incluindo uma banheira bem no meio do salão, criando uma atmosfera única e intrigante para os visitantes. Esse com certeza não pode ficar de fora da sua lista o que fazer em Budapeste!

ruin bars budapeste festa
Os famosos Ruin Bars em Budapeste

Se você quer requinte, sugiro visitar o New York Café, considerado o café mais bonito do mundo. Foi ponto de encontro de diversos artistas no início do século 20. Colunas sinuosas, lustres encantadores, detalhes dourados em todo canto, pinturas no teto… Um misto de decoração contemporânea e clássica que não pode ficar de fora do seu roteiro O que fazer em Budapeste.

11 – Basílica de Santo Estêvão

A Basílica de Santo Estevão dedicada ao santo Estêvão I, o primeiro rei da Hungria efundador da igreja da Hungria. A basílica é a maior igreja do país com capacidade para 8500 pessoas e foi construída no estilo neoclássico. A cúpula da basílica tem 96 metros de altura e é acessível por elevadores e 364 degraus.

Dentro dela existe uma capela, onde fica a relíquia mais importante da cristandade húngara: a mão direita mumificada do rei Estêvão I da Hungria.

Interior da Basílica de São Estevao
Interior da Basílica de São Estevao

A entrada normal para adulto custa 2000 HUF e para subir na cúpula + entrada fica 3200 HUF. Eu achei que valeu muito a pena, a vista é incrível! A Basílica e o Parlamento são os edíficios mais altos da cidade. Também recomendo ver um concerto clássico na Basílica. Ali pertinho também fica a Ópera Estatal Húngara.

roteiro budapeste 3 dias o que fazer
Vista da Basílica para Budapeste

No vídeo abaixo mostro como foi a nossa visita na Basílica e mais atrações O que fazer em Budapeste, clique para assistir:

12 – Cruzeiro no rio Danúbio

Este é um tour muito legal para ver o outro lado de Budapeste a partir do rio Danúbio! Você passará pelas pontes famosas, verá o Castelo de Buda, Várkert Bazár e outras paisagens incríveis da cidade. Esta é uma atividade baratinha e que cabe no seu roteiro O que fazer em Budapeste.

O tour normalmente tem duração de 1 hora e inclui bebida de boas-vindas.

Escolha a opção tour de barco nortuno ou Cruzeiro diurno premium com Tokaj Frizzante

Tour de barco em Budapeste
Tour de barco em Budapeste

O que comer em Budapeste?

A Hungria não é famosa por sua culinária e foi influenciada por várias culturas, incluindo a turca, a alemã e a italiana. Existem alguns práticos típicos para você provar:

  • Goulash: Um ensopado de carne com legumes e temperado com páprica
  • Lángos: Um pão frito em óleo e coberto com queijo ralado, creme de leite e alho
  • Töltött káposzta: Folhas de repolho recheadas com carne moída, arroz e temperos
  • Paprikás csirke: Frango cozido em um molho cremoso de páprica e servido com nhoque
  • Halászlé: Uma sopa de peixe picante feita com vários tipos de peixe, páprica e legumes
  • Dobos torta: Um bolo de camadas com creme de manteiga e caramelo
o que comer em budapeste langos
Langos, famosa comida em Budapeste

Antes de entrar em qualquer restaurante, dê uma olhadinha nas avaliações do google para saber se vale a pena. Mesmo assim eu não tive muita sorte, não gostei muito das opções.

O que eu recomendo é a famosa lanchonete Retró Lángos Budapest, onde servem langos de vários sabores. Também gostei do Grillmánia próximo as termas Gellért, mas ai era churrasco e carnes assadas.

O que você achou desse roteiro com dicas de o que fazer em Budapeste? Ficou com vontade de fazer suas malas e conhecer Budapeste? Aqui no blog, você encontra diversas dicas de Budapeste e de viagem para você, que assim como eu, ama explorar o mundo.

Viaje com a Angie Faça sua reserva através dos parceiros do blog! VOCÊ NÃO PAGA MAIS POR ISSO, nos ajuda a criar conteúdo cada vez melhor pois ganhamos uma pequena comissão. Obrigada!
PRESETS APURE GURIA
Conheça minha coleção especial de filtros para celular e deixe suas fotos mais vibrantes com apenas um clique!

CHIP VIRTUAL DE INTERNET
Tenha conexão em qualquer lugar com o chip virtual de internet da Holafly! Leitores do Apure Guria ganham 5% de desconto!

SEGURO VIAGEM
O Seguro Viagem é obrigatório em muitos países, faça a cotação com a Real Seguros e garanta melhor custo benefício. Desconto de 10% exclusivo para leitores! Veja por que viajar com Seguro Viagem.

HOSPEDAGEM
Os melhores hotéis e hostels em um só lugar com cancelamento gratuito. Conheça o Booking.com!

INGRESSOS NA EUROPA
Garanta seu lugar em tour e atrações em vários países na Get Your Guide.

CONHEÇA TODOS OS SERVIÇOS DO BLOG!

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here