Sobrevivendo ao inverno na Nova Zelândia

34
122

Inverno nunca é uma estação fácil: você se enche de roupas, fica parecendo um repolhinho, tem altas chances de ficar doente, o nariz fica gelado, orelhas mais ainda e sem falar nos pés que ficam mais roxos.

Sobrevivendo ao inverno na Nova Zelândia

O inverno na Nova Zelândia foi uma das coisas mais tensas que já passei, e claro, consequentemente esta história está cheia de perrengues.
jão das neves inverno
Nada melhor para explicar minha sofrência do que o Jão das Neves

Clique aqui e assine nosso canal no YouTube

Eu morava na ilha norte em Auckland e lá era bem igual Curitiba. Aí quando decidi passar uns dias na ilha sul e visitar Queenstown…aí a coisa pegou.sobrevivendo ao inverno na nova zelandiaEm Milford Sound!

Lista de roupas

Primeiro porque não tinha levado roupa adequada a inverno com neve, não tinha uma jaqueta impermeável e as coisas na NZ são muito caras T___T Por sorte, uma amiga minha me emprestou a jaqueta dela e outra umas calças para snowboard (porque eu precisava economizar sem alugar nada a mais, sim, como contei nesse post, a minha situação na NZ não tava fácil). O que eu levei para 10 dias foi:

  • 2 calças jeans
  • 3 blusas de lã
  • 7 camisetas
  • 2 camisetas com manga comprida
  • 1 pijama
  • 1 cachecol
  • 2 segunda pele (vulgo ceroulas)
  • 8 meias (usava duas por vez)
  • 7 calcinhas
  • 1 jaqueta impermeável para neve
  • 1 calça impermeável para snowboard (possui fechamentos diferentes)

O que eu INFELIZMENTE ESQUECI

  • Touca (consegui emprestada depois)
  • Luvas
  • Mantinha de microfibra
  • Meias mais grossas
  • Remédios para dor de cabeça, gripe etc

Muuuuuita neveee
Milford Sound nova zelandia passeio de carro estradaAchei que estava preparada…até enfrentar o frio da montanha.

Primeira vez no Snowboard

Não dá pra viver o inverno na Nova Zelândia sem descer as montanhas com neve, claro que dependendo da sua sorte com o tempo, elas poderão ter mais neve artificial do que natural, mas tá beleza.snowboard remarkables
Praticar snowboard é uma das coisas mais caras da VIDA, justamente por que:

  • você precisa alugar o equipamento (prancha, botas especiais, capacete, luvas) ;
  • alugar roupa se não tiver (porque a neve molha tudo e entra nas calças ahueahuea);
  • comprar o passe diário da montanha;
  • fazer umas aulinhas pra não se quebrar completamente;
  • comida na montanha é mais caro, então já viu.

Maaaaaas a experiência é incrível! Quase quebrei os dentes, quase desisti no meio da descida da montanha, chorei de ódio, me machuquei, quase quebrei a câmera e a prancha, passeio frio fome febre mas terminei o trajeto!


Jon Snow almost crying

Sério, não sei como sobrevivi naquela montanha

Conto neste post como é fazer snowboard no Remarkables, uma das principais montanhas de neve em Queenstown. Se você gostar muito da experiência, pode fazer ensinar a galera em qualquer lugar do mundo! Leia mais aqui > TRABALHE E VIAJE: INSTRUTOR DE SNOWBOARD

Partiu-Nevis-Swing-em-Queenstown-Nova-Zelândia- (1)
Ah e aproveite para fazer loucuras nessa cidade, pois Queenstown é a capital mundial dos esportes radicais! Eu me joguei em uma balança a 160 m de altura! Veja o video: MEU PRIMEIRO SWING NEVIS NA NOVA ZELÂNDIA

E se quiser passar mais frio pode ir num bar de gelo

Problemas no hostel

Escolha muuuuito bem o hostel para passar uns dias no inverno na Nova Zelândia.

O mais barato pode ser treta pois:

  • o aquecedor pode ser muito pequeno e não esquentar o quarto;
  • pode não ter cobertas suficientes;
  • pode ter lençol térmico meio perigoso.

Alguns lugares simplesmente não tem calefação, parece que não são preparados para o inverno da Nova Zelândia!Jon Snow are you serious

É um negócio muuuuito bizarro WTF. Passei o maior frio DA VIDA morrendo de febre em Tekapo, esse lugar maravilindo porém com o pior hostel de toda a NZ ahueaheuinverno nova zelandia tekapo montanhasEm Queenstown pegamos um hostel muito bom e até com lareira, PORÉM o ar condicionado era controlado na recepção e deixaram GELAR O QUARTO DURANTE A NOITE o que piorou muuuito a situação já degradante de saúde e passei o dia na cama T___T Não conseguia nem falar…

Mas ainda a coisa que deixa toda a galera indignada são os vouchers de internet de 10-20mb por hóspede. Sim, a internet é limitada na NZ, então se você precisa de mais acesso, vai ter que comprar! Não foi nada fácil, contei minha experiência com internet limitada neste vídeo.

Problemas no carro

Eu e meus amigos alugamos um carro para ir até Milford Sound, a atração natural mais visitada ever da Nova Zelândia. O trajeto que era pra ser curto, durou umas 7 horas. Por sorte não precisamos por correntes nos pneus, as estradas estavam bem limpas, mas mesmo assim você precisa alugá-las.Milford Sound nova zelandia por do solLeia este post para saber como chegar em Milford Sound e quanto custa.DCIM100GOPRO
Aí vem o problema: ou você passa frio no carro, embaça o vidro e economiza ou gasta mais gasolina pra manter a galera quente. Precisa achar um equilíbrio hauehauhea

jão das neves whitewalker

Se não todo mundo congela no inverno da Nova Zelândia aheuaheae

Outra coisa legal é você alugar um carro no esquema relocation car: você pode pagar 1 dólar ao dia ou um pouco mais que isso! Veja como funciona aqui: COMO ALUGAR CARRO POR $1 O DIA DURANTE A VIAGEM



Depois desse trajeto voltamos para Queenstown e subimos até Christchurch, passando por várias estradas lindas e cenários retardados de bonitos. Veja 8 ESTRADAS DA NOVA ZELÂNDIA QUE VOCÊ DEVE CONHECERRota Wanaka Lake Pukaki lago azul salmãoNo caminho pare para visitar ARROWTOWN: VILA FAROESTE NA NOVA ZELÂNDIA, Tekapo e Wanaka

Valeu a pena passar o inverno na Nova Zelândia?

Com toda certeza! Amei a ilha sul e quero justamente voltar no inverno! <3 Mas dessa vez vou preparada aheuaheuahe

Veja também:

CHOQUE CULTURAL NOVA ZELÂNDIA CURIOSIDADES

TRABALHAR NA NOVA ZELÂNDIA: VISTOS E EMPREGOS

TUDO SOBRE INTERCÂMBIO

viajando nas estações blogagem coletivaEste post faz parte da blogagem coletiva “Viajando nas Quatro Estações”, aproveite para conhecer outros blogs!

– Destinos por onde andei… – Primavera em Nova York

– Mariana Viaja – Verão na Espanha: passeios em Barcelona e Madri

– Outro blog – Inverno em Banff | Montanhas Rochosas Canadenses

– A Casa na Mala – Qual a Melhor Época do Ano Para Viajar à Europa?

– Por aí com os Pires – Flórida no verão

– Família Viagem – As cores do outono em Seattle

– Pegadas na Estrada – Outono na Islândia, uma estação surpreendente!

– Viajonários – O que fazer na Califórnia no inverno

– Foco no Mundo – Como sobreviver ao inverno europeu

– O Melhor Mês do Ano – O que levar para o Atacama em cada estação do ano

– Escolho Viajar – Patagônia no verão – a melhor estação para a visitar

– Caixa de Viagens – Alpes italianos – onde curtir o inverno nas 5 cidades italianas mais charmosas, badaladas e com estações de esqui na região

– Vaneza com Z – 10 coisas para fazer no Verão em Salvador

– Cantinho de Ná – Como é New York na primavera

– Viagens que Sonhamos – Inverno na Serra Gaúcha

– A Path to Somewhere – 10 lugares para curtir o outono em Nova York

– Mochilão Barato – Mochilando no Inverno Europeu

– Viagens Invisíveis – Inverno em Malta, vale a pena?

– Alyssa Prado Blog – 6 Motivos para visitar Floripa no Inverno

– Viajando em Familia – Orlando no Verão ou Inverno?

– #KariDesbrava Cinco lugares para curtir o frio no estado do Rio de Janeiro

Ligado em ViagemDobel na Alemanha, muita neve na região de Baden-Württemberg

– Pequeno Grande Mundo – Em Manaus é verão o ano inteiro

– Destino Mundo Afora – Inverno na Serra Catarinense

– The Nat’s Corner – Verão Europeu: O Que Levar na Mala

– Lolepocket – 7 praias do Rio de Janeiro para curtir o verão como os cariocas

– Uma Senhora Viagem – Dois Outonos Diferentes na Europa

– Devaneios de Biela – As Cores e os Contrastes de Cartagena na Primavera

– Baianos no Polo Norte – 10 motivos para visitar Toronto no verão



Viaje com a Angie

Faça sua reserva através dos serviços parceiros do blog!Assim você nos ajuda a criar conteúdo cada vez melhor pois ganhamos uma pequena comissão, VOCÊ NÃO PAGA MAIS POR ISSO e continua acessando o blog grátis! Obrigada!

Receba dicas exclusivas no seu email!Receba dicas exclusivas no seu email
Assine nossa newsletter e fique por dentro das nossas viagens, descontos incríveis e os melhores lugares para visitar e curtir a vida!

34 COMENTÁRIOS

  1. Angie adorei ler esta experiência, tens muita coragem em fazer todas essas actividades, eu não era capaz 😛 E já agora, que bonito projecto do “Viajando nas Quatro Estações”, vou seguir 🙂

  2. Que hilário e chato também pra você que sentiu na pele não estar preparada pro inverno.
    Mas amei seu relato e uma coisa que imaginava, mas você esclareceu: esquiar é caro! Acredito que se um dia eu for prum destino de neve, ou eu me preparo($$$) ou só observo, kkk.

    Abraços!

  3. Quanto perrengue!!! Que bom que você conseguiu sair viva! hahaahah

    Uma coisa que é bem importante e muita gente não lembra é óculos escuros para proteger os olhos, e um protetor labial bem potente para os lábios não racharem!

  4. Hahahaha…estou morrendo de rir aqui pela forma como você contou no post todas as dificuldades da viagem! Nada como muito bom humor para superar os imprevistos da vida! As fotos ficaram ótimas! 🙂

  5. Winter is coming!! Artigo com muita piada… realmente as minhas imagens da Nova Zelândia vêm dos filmes do senhor dos anéis, portanto não imagino muita neve. Bom ver de outra perspectiva! 🙂

  6. Angie, seus posts são sempre muito divertidos e a vibe é muito boa por aqui! Tô cada dia mais fã (ah, e tenho acompanhado o canal no Youtube também e está ótimo!!!!)
    ps: ninguém merece passar frio, ainda mais no inverno da NZ)
    Beijinhos

  7. Ainda não me arrisquei em snow nem ski justamente por isso: medo de quebrar os dentes, os ossos, a câmera, a cara… hahaha…

    E inverno é sempre perrengue, não sei como brasileiro tem tanta paixão por neve… neve dói! (rs) e molha! e é gelado =/ enfim, acho lindo, mas dentro de casa…

    PS: John Nieve no GoT em espanhol 🙂 e adorei os gifs!

  8. Olha, não sei se me diverti mais com seus perrengues (sim, sou dessas que ri dos apuros alheiros) ou com a cara do John sofredor nos gifs!
    Adorei o post! informativo e divertidíssimo!

  9. O pior não foi o frio que você passou, mas sim a doença que te pegou pra valer. E você ainda conta como uma linda viagem, te entendo perfeitamente, porque somos apaixonadas por viajar. Também achei sua viagem linda!

  10. Os perrengues tornam-nos mais fortes. Aposto que nunca mais esquecerá remédios para a febre. Nós experimentamos esquiar e também achamos caro

Curtiu? Comentaí!