O mito da Europa invadida por refugiados: a verdade por trás dos números

0
296

Há anos roda por aí o mito da Europa invadida por refugiados. Claro que existem vários no velho continente, mas é muito menos do que se imagina. Nesse artigo eu dou várias estatísticas de fontes confiáveis para mostrar as razões, origens e número de refugiados na Europa e no Reino Unido. Assista o vídeo!

O mito da Europa invadida por refugiados

Tem muito brasileiro que é contra refugiado e nunca conversou com um… esse tipo de pessoa tem em todos os lugares, no entanto, muito já rezaram para um refugiado, escutaram músicas de refugiados, leram e estudaram livros de refugiados ou admiraram sua arte no cinema e museus.

Clique aqui e assine nosso canal no YouTube

Essa é uma pequena lista de pessoas famosas. que estiveram em situação de refugiados alguma vez na vida.

  1. Jesus – a família fugiu da terra sagrada por causa do Rei Herodes
  2. Dalai Lama, Tenzin Gyatso – fugiu do Tibet quando a China invadiu
  3. Freddie Mercury – cantor da banda Queen, fugiu para a Inglaterra de Zanzibar em 1964.
  4. Gene Simmons – membro da banda Kiss, sua mãe é uma sobrevivente do holocausto.
  5. Sigmund Freud – judeu austríaco, pai da psicanálise, fugiu dos nazistas
  6. Albert Einstein – um dos gênios e cientistias mais famosos, refugiado judeu e alemão
  7. Jackie Chan – fugiu para os EUA de Hong Kong após ser ameaçado de morte pelas tríades
  8. Anne Frank – menina alemã que ficou famosa pelo seu diário ao se esconder por anos dos nazistas na Holanda.
  9. Victor Hugo – escritor da obra Os Miseráveis, Concunda de Notre Dame, foi forçado a fugir da França várias vezes por suas ideologias políticas
  10. Bob Marley – músico famoso que fugiu da Jamaica para Miami após ter tomado um tiro por violência política
  11. Peter Carl Fabergé – joalheiro russo que criou os famosos ovos Fabergé que fugiu da Rússia para a Suíça
  12. Camille Pissarro – pintor impressionista, refugiado dinamarquês – francês e judeu
  13. M.I.A. – sua família é refugiada tâmil do Sri Lanka, cantora.
  14. Mika -cantor famoso, fugiu do Líbano
  15. Rita Ora – cantora famosa, fugiu com sua família de Kosovo ainda bebê
  16. Regina Spektor – cantora e pistanista, fugiu da URSS aos nove anos e agora vive em NYC.
  17. Georg Ritter von Trapp – Pai da família Trapp, aquela que inspirou o whose story inspired A Noviça Rebelde após fugir da Áustria ocupada por nazistas

Há mais pessoas famosas, conforme mostra esta lista aqui.

O que leva alguém a se tornar refugiado

Há várias razões, mas basicamente é a falta de segurança que o próprio país oferece a essa pessoa e faz com que ela busque ajuda em outro. Os motivos são vários:

  • guerra
  • fome
  • perseguição religiosa
  • perseguição política
  • violência doméstica
  • violência de gênero (LGBTQI+)
  • mutilação genital feminina
  • vítimas de tortura
  • vítimas de tráfico humano

É importante ressaltar que muitos dos refugiados saem do país em busca de melhores condições de vida e vários querem voltar para o país assim que se sentirem seguros. Muitos não querem ficar no país de asilo para sempre. Segundo as estatísticas da UNHCR (UN Regufee Agency) 317,200 refugiados voltaram ao seu país de origem enquanto 107 mil foram reassentados no país.

Clique aqui para assistir o vídeo com mais informações do mito da Europa invadida por refugiados:


Dados dos refugiados na Europa

Agora vou explicar alguns dados dos refugiados e mostrar a mentira do mito da Europa invadida por refugiados. Vou focar mais no Reino Unido, já que os dados estão disponíveis de forma mais clara e fica fácil entender o processo vendo um país.

Quantos refugiados vivem no Reino Unido?

Segundo a United Nations High Commissioner for Refugees (UNHCR) no final de 2018 havia 126,720 refugiados, 45,244 casos de asilo estão pendentes e 125 são pessoas apátridas. O Reino Unido possui apenas 1% dos 26 milhões de refugiados no mundo e a maioria é do Afeganistão, Eritrea, Irã, Iraque, Sudão e Síria de acordo com este estudoOs refugiados representam 0.26% da população do Reino Unido.

É importante observar que a maioria das pessoas aceitas no Reino Unido crianças desacompanhadas do Iraque, Afeganistão e Albânia. Nos últimos 12 meses, foram 2.868 pedidos de crianças, representando 9% do total de pedidos de asilo. Crianças que perderam os pais na guerra, outras fogem de violência e abuso ou são vítimas do tráfico. 1 a cada 5 meninas ou mulher refugiada já sofreu abuso sexual antes e durante o processo. 52% não escolheram o marido, ou seja foi casamento forçado, a média de idade é 17 anos. No entanto, uma dessas meninas foi casada aos 7 anos de idade. Dados da Unicef.

Como chegam no Reino Unido e na Europa

Muitos chegam ao Reino Unido de barco, cruzam o canal da Mancha amontados e se arriscam as ondas enormes como mostra a BBC. Muitos são interceptados pela polícia, algumas pessoas são retornadas à França e em torno de 1700 pessoas cruzaram no mês de julho.

barco de refugiados cruzando canal da mancha inglaterra
Barco de refugiados cruzando o canal da mancha da França para Inglaterra

Não é ilegal cruzar o canal, mas sim de trazer pessoas para o UK, contrabando de pessoas digamos assim. Muitos pagam alguém para fazer a travessia. Também tem aqueles que se agarram nos trens que passam pelo Eurotúnel, o túnel que passa pelo mar entre França e Inglaterra. Imagina ficar agarrado em um trem durante 40 min no escuro com um eco ensurdecedor a 160 km/h.

Segundo o Artigo 31 da convenção de refugiados da ONU afirma que as pessoas não podem ser penalizadas por entrar num país e pedir asilo se elas provém de um território onde a vida e liberdade estão ameaçadas. Eles tem que se apresentar sem demora às autoridades para mostrar os motivos de entrada e iniciar o pedido.

Muitos barcos cruzam o Mediterrâneo em direção à Grécia e Itália todos os dias.

Onde estão os refugiados no mundo

A maioria dos refugiados estão na Turquia (3,7 milhões), o Paquistão (1,4 milhão) e
Uganda (1,2 milhão), Sudão (1,1 milhão), Irã (979,435) e Líbano (949,666).

Já no Brasil os dados são bem menores, Segundo o Comitê Nacional para os Refugiados (CONARE) há 11.231 pessoas reconhecidas como refugiadas pelo Estado brasileiro. 36% são sírios, 15% congoleses e 9% angolanos. Há 80 mil solicitações no ano passado, sendo 61.681 de venezuelanos em seguida vem Haitianos, chineses, cubanos e bengaleses.  É importante destacar que existem 3,7 milhões de refugiados da Venezuela no mundo, então 80 mil é 2,16% desse número. Confira mais dados aqui.

Vou frisar que também tem refugiado brasileiro. Segundo a UNHCR, em 2019 havia 28 refugiados no Reino Unido vindos Brasil e 143 com pedido de asilo.

O Reino Unido já chegou a receber mais de 84 mil solicitações de asilos, no entanto isso foi em 2000. Em 2019 foram 35,566.  A Alemanha é o país da União Europeia que mais recebe pedidos de asilo com 161,900 pedidos, seguida pela França com 114,500 pedidos. Já existem 1,1 milhão de refugiados em solo alemão.

Apoio do governo na chegada do refugiado

Pessoas que buscam asilo não podem trabalhar e nem receber benefícios do Reino Unido enquanto não tem o pedido aprovado. Se estiverem desamparados e não tiverem outros meios de se sustentar, eles podem solicitar o apoio de asilo seria em torno de £ 5,66 por dia.  Mais uma parte do mito da Europa invadida por refugiados: o governo não dá tanto como se imagina não.

europa invadida por refugiados mito
Refugiados na Europa

Quando uma pessoa recebe o status de refugiado, ela tem apenas 28 dias para encontrar acomodação e solicitar benefícios gerais antes de ser despejada da acomodação para asilo. Muitos refugiados ficam desabrigados nesta fase, viram sem teto e esse tema eu já expliquei no artigo Morador de rua na Inglaterra. No final de junho de 2020, 56.570 pessoas que buscavam asilo estavam recebendo essa ajuda do Governo do UK.

Até junho de 2020, 6320 vistos para reunião familiar foram emitidos para parceiros e crianças dos refugiados.



Detenção de refugiados adultos e crianças

O governo pode desconfiar de alguma aplicação irregular e até junho de 2020, 292 pessoas que buscavam asilo foram encaminhadas a um centro de remoção de imigração, sendo 698 no total. Apesar da promessa do governo de acabar com a prática de detenção de crianças, houve 41 ocorrências de crianças entrando em detenção de imigração no final de junho de 2020. Essas pessoas ficam detidas por tempo indeterminado, não tem uma data certa para serem deportadas. 86% de todos os detidos eram do sexo masculino segundo os dados da Refugee Council UK

Como é o processo e pedido de asilo

Aí há vários critérios de eligibilidade pelo governo do Reino Unido e que não são fáceis. Há uma espera de 6 meses mais ou menos, lembrando que eles normalmente vem com a roupa do corpo e ai recebem esses 5 libras por dia para viver e pode conseguir uma casa do governo enquanto espera. As crianças são matriculadas numa escola estatal durante esse tempo e todos podem usufruir do NHS, o SUS daqui.

Há uma série de entrevistas para saber os motivos e também se há violência de gênero no país de origem, como violência doméstica, casamento forçado, violência de “honra”, mutilação genital, estupro ou outras formas de violência sexual.

Se o caso for aprovado, pode viver por 5 anos no UK e durante todo esse tempo irá sempre receber cartas do Home Office para se apresentar, marcar presença. Pode receber uma casa do governo definitiva se for qualificado.

É importante destacar que os filhos desses refugiados não terão a nacionalidade britânica ao nascerem aqui. Desde 1983 não é possível adquirir a cidadania britânica por nascimento, pode fazer o pedido após viver 6 anos aqui.

Conclusão do mito da Europa invadida por refugiados

Pelos números podemos ver que há muitos refugiados na Europa, porém não abrigam todo mundo como diz a mídia. A Turquia recebeu muito mais refugiados, principalmente da Síria, do que outros países. Também há muita coisa rolando por trás, como dinheiro que a União Europeia encaminha à Turquia para manter essas pessoas por lá.

Também tem casos de presidentes que querem negar ajuda a refugiados, o que não pode. Na Grécia por exemplo, teve um barco que foi negado de atracar.

Muita gente acredita que existem pessoas ruins entre os refugiados, mas não é a maioria como mostram os números. O estado de refugiado pode ser dado ou negado e é acompanhado. Os governos investigam para saber se não é algum terrorista, mas claro que não tem como ver todos os traços psicológicos de uma pessoa.

Refugiados sempre existiram e foram perseguidos por crenças, descobertas, gênero. Foram fugitivos de guerras… Muitos são médicos, professores, comerciantes que falam várias línguas e podem haver gênios que mudarão a história do mundo como Einstein e Jesus por exemplo.

Gostaram desse artigo sobre mito da Europa invadida por refugiados? Leia também Aborto na Inglaterra: como funciona há mais de 50 anos e Dentista na Inglaterra: por que ingleses tem dentes tortos?

Salve no Pinterest

refugiados na europa numeros
Pin Refugiados na Europa
Viaje com a Angie Faça sua reserva através dos parceiros do blog! VOCÊ NÃO PAGA MAIS POR ISSO, nos ajuda a criar conteúdo cada vez melhor pois ganhamos uma pequena comissão. Obrigada!
CONTA BANCÁRIA NA EUROPA
Com Transferwise você economiza dinheiro durante o intercâmbio ou morando em outro país. Veja como transferir dinheiro para o exterior.

PRESETS APURE GURIA
Conheça minha coleção especial de filtros para celular e deixe suas fotos mais vibrantes com apenas um clique!

SEGURO VIAGEM
O Seguro Viagem é obrigatório em muitos países, faça a cotação com a Real Seguros e garanta melhor custo benefício. Desconto de 10% exclusivo para leitores! Veja por que viajar com Seguro Viagem.

HOSPEDAGEM
Os melhores hotéis e hostels em um só lugar com cancelamento gratuito. Conheça o Booking.com!

AIRBNB
Alugue apartamentos ou quartos com preços especiais, ótimos para quem viaja em grupo! Reserve no Airbnb e ganhe R$180 de desconto na sua primeira hospedagem.

INGRESSOS
Fuja das filas nas maiores atrações no mundo adquirindo com antecedência e pagando com cartão de crédito ou Paypal no Get Your Guide.

AULA DE IDIOMA COM PROFESSOR NATIVO
Aprenda qualquer idioma em casa com aulas virtuais e preços acessíveis. Ganhe 10 USD de desconto na sua primeira compra na plataforma do Italki!

VOLUNTARIADO NA VIAGEM
Torne-se voluntário por alguns dias na sua próxima viagem, troque experiências, conheça pessoas novas e economize dinheiro! Conheça o Worldpackers! Leitores do Apure Guria ganham 10 USD de desconto!

CONHEÇA TODOS OS SERVIÇOS DO BLOG!

Travel blogger e designer aspirante à muitas coisas e com PhD em zuera, não dispensa uma aventura cheia de desafios e tragédias. Nas horas vagas joga games, canta e planeja as próximas viagens.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here