ÁsiaNepal

Everest Base Camp: um trekking desafiador!

posted by Angie Fevereiro 14, 2017 8 Comments

Dois amigos que conheci na Nova Zelândia, André e Marília, decidiram visitar o Nepal e realizar o trekking Everest Base Camp aos pés do Everest, o primeiro acampamento para quem vai escalar a montanha mais alta do mundo! Foi uma caminhada difícil de 14 dias que envolveu muita motivação e que valeu a pena!

Como é trekking até o Everest Base Camp

everest base camp trekking campo base o que levar A viagem começa num voo de Catmandu para Lukla, uma cidade a 2860 m de altitude e é o único acesso a Cordilheira do Himalaia para subir o Everest. Você pode ir com um avião pequeno com mais 10 pessoas (bem teco teco mesmo) ou ir de helicóptero.

O aeroporto de Lukla é bem pequeno e um dos mais perigosos do mundo devido a sua pista curtinha e localização. Como está em meio as montanhas, é muito comum que as nuvens o cubram, impedindo pousos e aterrissagens. É totalmente imprevisível.

aeroporto lukla mais perigoso do mundo everest camp base

Clique aqui e assine nosso canal no YouTube

Do aeroporto você já sai caminhando para fazer a trilha, a qual é estreita (caminha em fila indiana mesmo) e muito irregular, com alguns trajetos em pedra e terra e na maioria das vezes beirando um penhasco! Precisa ter muito cuidado, pois sempre há córregos que atravessam a trilha, provenientes do degelo.

trilha everest campo base trekking

degelo montanha everest trakking campo base Existem pontes durante o caminho, algumas de metal com grades para proteção e outras só de madeira, feita com toras, sem proteção alguma, que devem ser atravessadas com muita atenção para não resbalar e ser levado pelas águas. Durante todo o caminho você verá burros, yaks e pessoas levando todo tipo de mantimento para a montanha. O dia acaba na vila seguinte do trajeto, onde você poderá comer e dormir.

everest base camp trekkingquanto custa trekking everest camp basecomo é o trakking everest camp base nepalOs kms percorridos a cada dia variam e os guias contam em horas: tem dias que irá caminhar 3 horas, em outros será 6 horas, vai depender muito da dificuldade do percurso. O segundo dia é o mais pesado de todo o trajeto pois é só subida. São 3 horas difíceis que devem ser caminhadas com muita calma e passos curtos para vencer o mal de altitude.

melhor epoca visitar o everest nepal

Dicas para superar o mal de altitude

  • Caminhar em passos pequenos e constantes,
  • usar trekking pole,
  • alimentar-se bem (comer muito carboidrato e vegetais),
  • tomar sopa de alho a 3500 a 4000m, ajuda bastante,
  • não tomar banho a partir dos 4000m pois baixa a pressão,
  • remédio para altitude chamado Dinamox.

 

O que levar para o o trekking até o Campo Base

Leve somente o necessário, pois cada quilo a mais será um sufoco durante a subida. Vários hostels em Catmandu possuem um lugar para guardar as mochilas de quem vai escalar, é uma forma de garantir o cliente no retorno.

Leve Tênis confortáveis para caminhada (tem alguns riachos no caminho, seu pé vai molhar, então leve tênis que seca rápido..meus amigos só sentiram frio quando chegaram ao campo base). Se estiver no começo do inverno, leve uma bota de caminhada impermeável e um saco de dormir para não congelar ehehehe Trekking pole é indispensável, te ajuda muuito!

quando fazer trekking campo base do everestVocê pode alugar saco de dormir, trekking pole e mochila em Catmandu.

Para não levar tanta roupa, lave a roupa que você usou no dia assim que chegar no hostel. No dia seguinte ela estará seca (claro que vai depender da estação do ano). Dessa forma, leve poucas peças e uma para cada finalidade, como:

  • 2 a 3 camisetas dry fit,
  • 1 blusa fleece,
  • 1 camiseta de manga comprida,
  • 1 par de luvas,
  • 1 touca,
  • 1 jaqueta corta vento,
  • 1 blusa de plumas (aquelas japonesas que ficam bem pequenas na mal),
  • 3 pares de meias,
  • 3 calcinhas/cuecas,
  • 1 capa de chuva,
  • óculos de sol,
  • protetor solar,
  • protetor labial,
  • hidratante para pele.

Leve um baralho ou livro pois em alguns dias você fica muito tempo no hostel.

E vários Snacks como barrinha de cereal, bolachas integrais e talvez até algumas sementes e frutas secas (não revistaram nada disso no aeroporto do Nepal).

Quando fazer o trekking Everest Base Camp

Estre trekking até o campo base foi realizado em setembro, um período de transição, com menos chuvas porém muuuitas nuvens. A melhor época é em outubro, quando o inverno está começando e o céu está bem limpo, favorecendo uma vista incrível do Everest.

everest coberto por nuvens trekking

Como contratar um guia

Existem dois tipos: o pacote turístico com hospedagem, comida, guia e licença do parque incluídos e o pacote simples de guia + licença do parque. O guia é praticamente obrigatório e custa 25 USD por dia. Neste último pacote você paga o quarto separado.
Meus amigos recomendam o guia Narayan Bhandari da empresa Trek Around Nepal pvt.

Favoreça o turismo local e contrate guias da região. O governo não dá suporte algum ao povo, nem quando teve o terremotos, e os locais dependem do turismo para sobreviver. Evite contratar empresas estrangeiras. Gaste seu dinheiro com nepaleses de verdade!

everest base camp trekking trajeto

Quanto custa Everest Base Camp trekking

Um quarto para casal custa 700 rúpias a diária (8USD). No início do trajeto é mais barato pois conforme vai subindo, as hospedagens vão ficando mais escarsas. A comida variava entre 300 a 500 rúpas (3-5USD). Lembrando que o banho não está incluso no pacote (100 a 200 rúpias), assim como internet e carregadores. Se você levar mais baterias da camera não precisa pagar esta taxa.

No hotel/guest house tem água para vender, porém você pode levar uma garrafinha e encher com água normal, lembrando de usar um Clorin 30 min antes de beber.

trajeto trekking everest base camp

O que comer durante o trekking

É muito comum comida a base de batata, MUUUUUITA batata, até no café da manhã! Arroz, cenoura, repolho, cebola e outros vegetais também estão na dieta. Procure comer bem e até um pouco a mais do que devia, pois você irá precisar na caminhada! Veja 5 pratos bem tradicionais do Nepal no Blog O Baú do Viajante!

E aí ficou na vontade de fazer esse trekking Everest Base Camp? Comente!

Obrigada André e Marília pelas fotos e pela conversa animada!!

Se este post te inspirou, por favor utilize os links abaixo para programar a sua viagem! Assim você ajuda o blog e não paga nada a mais por isso 🙂 Ah e também me siga no Instagram e no Facebook! Obrigada!viajar-barato-descontoReserve seu hotel ou hostel em qualquer lugar do mundo com o Booking e durma susse!
Seguro Viagem é com a Real Seguros! Compare os melhores preços e viaje suave!
Garanta seu ingresso sem filas! Confira as atrações no Ticketbar
Ganhe 25 dólares no AirBnB

Leia mais:
PERRENGUES NA ÁSIA: DEU RUIM!
DICAS DE VIAGEM NA ÍNDIA: RELATO DE UM INTERCÂMBIO
5 DICAS PARA VISITAR O ANGKOR NO CAMBOJA
GASTOS NA TAILÂNDIA: QUANTO CUSTA 14 DIAS DE VIAGEM?
5 MOTIVOS PARA VISITAR O SUDESTE ASIÁTICO

Viaje com a Angie

Faça sua reserva através dos serviços parceiros do blog!Assim você nos ajuda a criar conteúdo cada vez melhor pois ganhamos uma pequena comissão, VOCÊ NÃO PAGA MAIS POR ISSO e continua acessando o blog grátis! Obrigada!

Receba dicas exclusivas no seu email!Receba dicas exclusivas no seu email
Assine nossa newsletter e fique por dentro das nossas viagens, descontos incríveis e os melhores lugares para visitar e curtir a vida!

8 Comments

Lid Fevereiro 18, 2017 at 5:14 pm

Trekking no Everest deve ser sensacional! Preparo físico e um guia bem informado são essenciais. O visual compensa todo o esforço, né?! Adorei o post, parabéns!

Reply
Alessandra Maróstica de Freitas Fevereiro 18, 2017 at 8:11 pm

Esse trekking é uma experiência incrível! Tenho muita vontade de fazer algo do tipo, mas me sinto um pouco insegura. Tipo medo de passar mal ou de não aguentar o tranco. Ahhh se eu tivesse uns 20 anos a menos! rsrs Ótimo post, adorei!

Reply
maytescaravelli Fevereiro 19, 2017 at 7:44 am

Nossa que experiência única!!! Muita coragem para realizar um passeio desse, confesso que eu não tenho, mas admiro quem tem. =D

Parabéns pelo post.

Reply
Anderson Fevereiro 19, 2017 at 9:00 am

Estamos começando a nos aventurar em alguns trekkings pelo mundo. Mas ainda nos falta um pouco de prepare. Estamos indo nos mais fáceis por enquanto. Mas o visual desse realmente faz valer a pena.

Reply
Viajante Comum Fevereiro 19, 2017 at 1:36 pm

Carambaaaaa! Que aventura incrível Angie! Deve ter sido desafiador, emocionante e apaixonante ao mesmo tempo! Estamos aqui babando! 🙂

Reply
Matheus Crespo da Silva Fevereiro 20, 2017 at 4:07 pm

Quero muito fazer isso em algum momento da minha vida, o nepal é um país incrível. Amei a postagem, inclusive fiquei morrendo de saudade ao ver as fotos.
Ah adorei ver o link para o Baú ali nas dicas de comida hehehe

Reply
Martinha Andersen Fevereiro 21, 2017 at 5:21 am

Ótimo post.. Quero muito fazer um trekking, mas tenho que me preparar e muito. Já que sou uma pessoa um tanto quanto sedentária. Preciso mudar isso. =)

Reply
Angie Fevereiro 21, 2017 at 8:57 pm

eu tb estou muuuito sedentária, preciso voltar a praticar aikido!

Reply

Curtiu? Comentaí!

%d blogueiros gostam disto: